Di­re­tor de pre­sí­dio afas­ta­do por de­nún­cia de pro­pi­na

Jornaldodia - - PAGINA DELANTERA -

Jo­sé Car­va­lho da Sil­va, di­re­tor in­te­ri­no do Complexo Pe­ni­ten­ciá­rio Aní­sio Jo­bim (Com­paj), no Amazonas, foi afas­ta­do on­tem. De­ten­tos de­nun­ci­a­ram que ele re­ce­bia pro­pi­na de fac­ções pa­ra per­mi­tir en­tra­da de ar­mas, dro­gas e ce­lu­la­res. Um con­fron­to en­tre fac­ções ri­vais no iní­cio do ano dei­xou 56 pre­sos mor­tos. Ou­tros 112 fu­gi­ram da uni­da­de. Car­va­lho da Sil­va era di­re­tor-ad­jun­to e as­su­miu in­te­ri­na­men­te o car­go prin­ci­pal com a saí­da de Il­son Vi­ei­ra Ruiz, três di­as an­tes do mas­sa­cre.

Pre­sí­di­os: pri­mei­ra reu­nião en­tre STF,

PF e MJ.

Por uma ho­ra, a pre­si­den­te do Su­pre­mo, mi­nis­tra Cár­men Lú­cia, reu­niu-se on­tem com o mi­nis­tro Ale­xan­dre de Mo­ra­es, Jus­ti­ça, e com o di­re­tor-ge­ral da Po­lí­cia Fe­de­ral, Le­an­dro Dai­el­lo. Te­ma: a cri­se nos pre­sí­di­os. Foi a pri­mei­ra reu­nião en­tre os três des­de que a cri­se eclo­diu com um mas­sa­cre no Amazonas no pri­mei­ro dia do ano. Pa­ra de­sa­fo­gar as pri­sões, uma for­ça-ta­re­fa de de­fen­so­res pú­bli­cos se­rá des­lo­ca­da pa­ra Ma­naus pa­ra ten­tar li­be­rar pre­sos que já po­de­ri­am es­tar sol­tos.

Alck­min der­ro­ta­do pe­lo pre­ço das pas­sa­gens

Der­ro­ta­do on­tem no Tri­bu­nal de Jus­ti­ça de São Pau­lo, o go­ver­na­dor Ge­ral­do Alck­min (PSDB-SP) te­rá de re­du­zir o pre­ço da ta­ri­fa de integração dos ôni­bus (mu­ni­ci­pal) e tri­lhos (Es­ta­do). O au­men­to ha­via si­do anun­ci­a­do em con­jun­to pe­lo go­ver­no Alck­min e pe­la ges­tão de João Do­ria (PSDB) na Pre­fei­tu­ra. Um dia an­tes, Alck­min re­cu­sou re­ce­ber in­ti­ma­ção da Jus­ti­ça so­bre o ca­so. A de­ci­são de au­men­tar a integração foi a saí­da acha­da pe­las equi­pes dos dois po­de­res pa­ra cum­prir pro­mes­sa de João Do­ria de con­ge­lar a ta­ri­fa do sis­te­ma mu­ni­ci­pal.

Ma­ra­ca­nã aban­do­na­do

Em es­ta­do de aban­do­no des­de que a Ode­bre­cht de­ci­diu de­vol­ver a con­ces­são, o es­tá­dio do Ma­ra­ca­nã, no Rio, per­deu os ex­tin­to­res de incêndio e ou­tros equi­pa­men­tos. O sa­que é ge­ral: até o bus­to de co­bre do jor­na­lis­ta Má­rio Filho, que dá no­me ao es­tá­dio, foi le­va­do. A Ode­bre­cht ten­ta ven­der o Ma­ra­ca­nã. Dois gru­pos es­tão in­te­res­sa­dos: um li­de­ra­do pe­la em­pre­sa La­gardè­re; o ou­tro, pe­lo Fla­men­go, que con­ta com a CSM e com a GL Even­tos.

Uma no­va

Copa do Mun­do, em 2026.

Con­fir­ma­do on­tem pe­lo Con­se­lho da Fi­fa: a par­tir de 2026 (ain­da sem se­de de­fi­ni­da), a Copa do Mun­do se­rá am­pli­a­da de 32 pa­ra 48 se­le­ções. A am­pli­a­ção era pro­mes­sa do pre­si­den­te da Fi­fa, Gi­an­ni In­fan­ti­no. Se­gun­do ele, há apoio “unâ­ni­me” pa­ra in­flar a Copa, que des­de 1998 é dis­pu­ta­da por 32 equi­pes. A par­tir de 2026, o tor­neio te­rá for­ma­to de 16 gru­pos com três equi­pes ca­da. Com es­se mo­de­lo, se­rão 80 par­ti­das, 25% a mais que as atu­ais 64.

A no­va Copa do Mun­do te­rá 48 equi­pes e 80 par­ti­das

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.