Po­lí­cia pren­de sus­pei­to de aten­ta­do em Lon­dres

Jornaldodia - - INTERNACIONAL -

A Po­lí­cia de Lon­dres in­for­mou pe­lo Twit­ter que uma pes­soa foi pre­sa após uma van atro­pe­lar, nes­te do­min­go, vá­ri­os pe­des­tres na Se­ven Sis­ters Ro­ad, no Fins­bury Park, Nor­te de Lon­dres, jun­to de uma mes­qui­ta. Se­gun­do tes­te­mu­nhas, após os atro­pe­la­men­tos, um ho­mem ar­ma­do com uma na­va­lha saiu do veí­cu­lo e es­fa­que­ou pe­lo me­nos uma pes­soa. Há ao me­nos dez fe­ri­dos, três em es­ta­do gra­ve, se­gun­do tes­te­mu­nhas. A pri­mei­ra-mi­nis­tra, The­re­sa May, dis­se que o seu pen­sa­men­to ia pa­ra os fe­ri­dos de mais es­te ata­que.

In­cên­di­os em Por­tu­gal dei­xam 61 mor­tos

Au­to­ri­da­des por­tu­gue­sas con­fir­ma­ram 61 mor­tos e mais de 50 fe­ri­dos — seis em es­ta­do gra­ve — no úl­ti­mo ba­lan­ço de ví­ti­mas do vi­o­len­to in­cên­dio flo­res­tal de­fla­gra­do sá­ba­do à tar­de — e ain­da ati­vo — em Pe­dró­gão Gran­de, dis­tri­to de Lei­ria, Cen­tro de Por­tu­gal. A atu­a­li­za­ção foi di­vul­ga­da pe­lo pre­miê Antô­nio Cos­ta, que tam­bém de­cre­tou três di­as de lu­to na­ci­o­nal. Mais de 800 pes­so­as, en­tre bom­bei­ros e mi­li­ta­res, apoi­a­dos por 226 veí­cu­los e seis ae­ro­na­ves tra­ba­lham no com­ba­te às cha­mas. Ho­mens e equi­pa­men­tos de paí­ses vi­zi­nhos e da União Eu­ro­peia fo­ram en­vi­a­dos pa­ra aju­dar Por­tu­gal. Tu­do in­di­ca que rai­os pro­vo­ca­ram o fo­go.

Fran­ça: vi­tó­ria his­tó­ri­ca do par­ti­do de Ma­cron.

O pre­si­den­te fran­cês Em­ma­nu­el Ma­cron po­de­rá go­ver­nar tran­qui­lo e se ga­bar de que o par­ti­do que fun­dou, “La Ré­pu­bli­que en Mar­che”, con­se­guiu a mais ex­pres­si­va mai­o­ria de que se tem no­tí­cia nas úl­ti­mas dé­ca­das na Fran­ça. As­sim, o pa­no­ra­ma po­lí­ti­co do país te­ve a a mais ra­di­cal mu­dan­ça des­de o iní­cio da Quin­ta Re­pú­bli­ca: en­cer­rou a bi­po­la­ri­za­ção di­rei­ta-es­quer­da tra­di­ci­o­nal. O par­ti­do de Ma­cron, cen­tris­ta e li­be­ral, ga­ran­tiu uma mai­o­ria só­li­da pa­ra go­ver­nar. O par­ti­do do cen­tro-di­rei­ta “Les Ré­pu­bli­cains” fir­mou-se co­mo a se­gun­da mai­or for­ça po­lí­ti­ca do país e ago­ra li­de­ra a opo­si­ção.

Co­li­são en­tre na­vio mi­li­tar e car­guei­ro ma­ta se­te

Se­te ma­ri­nhei­ros do con­tra­tor­pe­dei­ro USS Fitz­ge­rald, da Ma­ri­nha dos EUA, mor­re­ram on­tem no cho­que con­tra um na­vio mer­can­te fi­li­pi­no, na cos­ta do Ja­pão. Dois tri­pu­lan­tes, in­cluin­do o ca­pi­tão, fo­ram le­va­dos por via aé­rea pa­ra o Hos­pi­tal Na­val nor­te­a­me­ri­ca­no em Yo­ko­su­ka. Com aju­da da guar­da cos­tei­ra ja­po­ne­sa, foi pos­sí­vel es­ta­bi­li­zar o con­tra­tor­pe­dei­ro, mui­to da­ni­fi­ca­do, evi­tan­do o nau­frá­gio. Se­gun­do o co­man­dan­te da 7ª fro­ta dos EUA, vi­ce­al­mi­ran­te Jo­seph Au­coin, ain­da não se sa­be a cau­sa da co­li­são.

Irã lan­ça mís­seis con­tra po­si­ções do EI na Sí­ria

O go­ver­no do Irã anun­ci­ou ter lan­ça­do mís­seis de mé­dio al­can­ce con­tra po­si­ções do gru­po Es­ta­do Is­lâ­mi­co na Sí­ria. Te­e­rã jus­ti­fi­cou o ata­que co­mo uma re­pre­sá­lia “ao du­plo aten­ta­do em Te­e­rã”, no iní­cio do mês. O lan­ça­men­to te­ria si­do fei­to de uma ba­se lo­ca­li­za­da no Nor­te do país con­tra po­si­ções em Deir Ez­zur, a cer­ca de 800 km de dis­tân­cia. Foi a pri­mei­ra vez que o Irã usou mís­seis de mé­dio al­can­ce des­de a guer­ra com o Ira­que, em 1988.

Con­tra­tor­pe­dei­ro ame­ri­ca­no cho­ca-se com na­vio mer­can­te fi­li­pi­no

In­cên­dio no Cen­tro de Por­tu­gal: mais de 800 pes­so­as en­tre bom­bei­ros e mi­li­ta­res no com­ba­te ao fo­go.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.