RE­SUL­TA­DO

Mente Curiosa - - NEWS -

DE 0 A 11 PON­TOS – PO­DE ME­LHO­RAR

Se vo­cê não ob­te­ve uma pon­tu­a­ção mui­to al­ta, não há mo­ti­vos pa­ra de­ses­pe­ro. Ad­mi­nis­trar nos­sas emo­ções e li­dar com sen­ti­men­tos alhei­os é mes­mo um pro­ces­so com­ple­xo. Com as di­cas que de­mos nas pá­gi­nas an­te­ri­o­res e tra­ba­lhan­do com cal­ma, dia após dia, e se per­do­an­do quan­do fa­lhar, sua in­te­li­gên­cia emo­ci­o­nal tem gran­des chan­ces de evo­luir. Ca­so a si­tu­a­ção es­te­ja in­co­mo­dan­do mui­to, não he­si­te em pro­cu­rar aju­da es­pe­ci­a­li­za­da, ok?

DE 12 A 23 PON­TOS – NO CA­MI­NHO CER­TO

Vo­cê se en­con­tra no ca­mi­nho cer­to na de­sa­fi­a­do­ra bus­ca por mais in­te­li­gên­cia emo­ci­o­nal. Em al­guns mo­men­tos, con­se­gue li­dar mui­to bem com as ten­sões do dia a dia; já em ou­tros, não con­se­gue e ex­plo­de sem pen­sar du­as ve­zes. A di­ca é sa­ber per­ce­ber es­ses mo­men­tos em que tu­do cor­re bem, apren­der com eles e se­guir apli­can­do em seu dia a dia.

DE 23 A 36 PON­TOS – CON­TI­NUE NES­SE RIT­MO!

Boa no­tí­cia: vo­cê é uma pes­soa que tem uma gran­de ha­bi­li­da­de na ho­ra de tra­ba­lhar com seus sen­ti­men­tos, e me­lhor ain­da, tam­bém con­se­gue cap­tar e li­dar com as emo­ções dos ou­tros. Con­ti­nue nes­se rit­mo e apro­vei­te pa­ra fa­zer va­ler sua ca­pa­ci­da­de de em­pa­tia e sem­pre dar uma for­ça pa­ra quem pre­ci­sa de apoio. Além dis­so, nun­ca se es­que­ça que o apren­di­za­do por uma vi­da mais le­ve é cons­tan­te.

CON­SUL­TO­RI­AS

Gra­zi­e­la Van­ni, psi­có­lo­ga e co­a­ch; Se­ma­dar Marques, pa­les­tran­te es­pe­ci­a­lis­ta em es­tra­té­gia hu­ma­na e in­te­li­gên­cia emo­ci­o­nal

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.