QUAL É O MO­MEN­TO DE PA­RAR?

Mente Curiosa - - EDITORIAL -

De acor­do com o psi­qui­a­tra, al­guns medicamentos pre­ci­sam ter sua do­se re­du­zi­da gra­du­al­men­te an­tes de se­rem in­ter­rom­pi­dos, ou a pes­soa po­de sen­tir-se mal. Is­so acon­te­ce, pois es­ses re­mé­di­os não cu­ram, ape­nas con­tro­lam os sin­to­mas. Por is­so, quan­do os pa­ci­en­tes aban­do­nam a in­ter­ven­ção me­di­ca­men­to­sa, os sin­to­mas po­dem re­tor­nar, con­for­me os re­mé­di­os fo­ram ou não efi­ca­zes no tra­ta­men­to.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.