Rio 2016. Ope­ra­ção ana­li­sa frau­des em obras

Metro Brazil (ABC) - - Esporte -

MTFC (Mi­nis­té­rio da Trans­pa­rên­cia Fis­ca­li­za­ção e Con­tro­le) re­a­li­zou on­tem uma ope­ra­ção con­tra frau­des em obras do Rio 2016. A in­for­ma­ção é da Rá­dio BandNews FM.

A ope­ra­ção, de­no­mi­na­da de Bo­ta-fo­ra, pre­ten­de de­sar­ti­cu­lar uma ação cri­mi­no­sa que re­sul­ta em des­vio de re­cur­sos pú­bli­cos nas obras do Com­ple­xo Es­por­ti­vo De­o­do­ro.

A CGU (Con­tro­la­do­ria-Ge­ral da União) fez uma fis­ca­li­za­ção em 2015 e en­con­trou in­dí­ci­os de fal­si­fi­ca­ção nos re­gis­tros dos vo­lu­mes de re­sí­du­os das obras de cons­tru­ção ci­vil, que são trans­por­ta­dos do lo­cal das obras e, de­pois, de­po­si­ta­dos em um bo­ta-fo­ra em Du­que de Ca­xi­as (RJ).

A con­tro­la­do­ria cons­ta­tou que os vo­lu­mes de re­sí­duo fo­ram su­per­fa­tu­ra­dos pe­lo Con­sór­cio Com­ple­xo De­o­do­ro, for­ma­do pe­las empreiteiras Qu­ei­roz Gal­vão e OAS, me­di­an­te fal­si­fi­ca­ção dos do­cu­men­tos com­pro­ba­tó­ri­os e da con­tra­ta­ção de em­pre­sa que atu­a­ria co­mo “la­ran­ja”.

A si­mu­la­ção de des­pe­sa de trans­por­te de re­sí­du­os das obras, com a fal­si­fi­ca­ção de do­cu­men­tos pú­bli­cos e a one­ra­ção de cus­tos in­ci­den­tes so­bre as obras olím­pi­cas, re­pre­sen­ta um pre­juí­zo de R$ 85 mi­lhões aos co­fres pú­bli­cos.

METRO

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.