Pla­nos de saú­de per­dem 1,43 mi­lhão de cli­en­tes em 1 ano

Com au­men­to do de­sem­pre­go, nú­me­ro de be­ne­fi­ciá­ri­os cai pa­ra 48,62 mi­lhões em maio, se­gun­do a ANS. Em cin­co me­ses, 788 mil de bra­si­lei­ros dei­xa­ram de ter con­vê­nio

Metro Brazil (ABC) - - Economia -

No pe­río­do de um ano, 1,43 mi­lhão de bra­si­lei­ros dei­xa­ram de ter pla­no de saú- de, prin­ci­pal­men­te, de­vi­do ao au­men­to do de­sem­pre­go. As ope­ra­do­ras con­ta­bi­li­za­vam 48.623.463 be­ne­fi­ciá­ri­os no mês pas­sa­do, nú­me­ro 2,9% in­fe­ri­or aos 50.055.804 re­gis­tra­dos em maio de 2015. Os da­dos são da ANS (Agên­cia Na­ci­o­nal de Saú­de Su­ple­men­tar).

So­men­te em cin­co me­ses, os pla­nos de saú­de per­de­ram 788 mil cli­en­tes. Em de­zem­bro do ano pas­sa­do, o to­tal de be­ne­fi­ciá­ri­os era de 49.411.494.

E a ten­dên­cia, se­gun­do o se­tor, é de um au­men­to no nú­me­ro de pes­so­as sem pla­no de saú­de. Mui­tos tra­ba­lha­do­res que per­de­ram o em­pre­go de­ci­di­ram man­ter o be­ne­fí­cio por seis me­ses até dois anos após a de­mis­são, co­mo es­tá pre­vis­to nas re­gras da ANS (ve­ja o qua­dro ao la­do). Em di­ver­sos ca­sos, es­se pra­zo adi­ci­o­nal ter­mi­na nes­te ano.

Em re­la­ção a abril de 2016, os pla­nos de saú­de per­ma­ne­ce­ram pra­ti­ca­men­te es­tá­veis em maio, com per­da de 30.783 be­ne­fi­ciá­ri­os (0,06%). A ANS res­sal­ta que hou­ve au­men­to de be­ne­fi­ciá­ri­os nos pla­nos co­le­ti­vos em­pre­sa­ri­ais. O nú­me­ro pas­sou de 32.269.736, em abril de 2016, pa­ra 32.275.710 no mês pas­sa­do. Em cin­co me­ses, no en­tan­to, o seg­men­to per­deu 606 mil cli­en­tes.

Já o nú­me­ro de par­ti­ci­pan­tes em pla­nos in­di­vi­du­ais caiu de 9,518 mi­lhões em abril pa­ra 9,490 mi­lhões em maio. No iní­cio do mês, ANS au­to­ri­zou o re­a­jus­te de até 13,57% na mo­da­li­da­de. Foi a oi­ta­va al­ta se­gui­da aci­ma da in­fla­ção, o que tor­na ain­da mais di­fí­cil o aces­so ao be­ne­fí­cio.

En­tre abril e maio, Bra­des­co, Amil, Hap­vi­da, SulA­mé­ri­ca e No­tre Da­me In­ter­mé­di­ca, os cin­co mai­o­res pla­nos de saú­de do país, ti­ve­ram um au­men­to de 0,21% a 0,79% em sua ba­se de cli­en­tes. Es­sas ope­ra­do­ras re­pre­sen­tam 27% do mer­ca­do em nú­me­ro de be­ne­fi­ciá­ri­os.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.