Du­pla de Di­a­de­ma al­can­ça mar­ca de 80 mi no You­Tu­be

MCs Za­ac e Jer­ry se des­ta­cam com funk ‘Bum­bum Gra­na­da’. Mú­si­ca li­de­rou Spo­tify por três se­ma­nas e já foi a mais ven­di­da no iTu­nes

Metro Brazil (ABC) - - Cultura -

Os MCs Za­ac e Jer­ry vi­ram a vi­da mu­dar nos úl­ti­mos di­as com o re­pen­ti­no su­ces­so do funk “Bum­bum Gra­na­da”.

Isa­ac Da­ni­el Ju­ni­or (Za­ac), 23 anos, e Ro­dri­go Sil­va dos San­tos (Jer­ry), 21, lan­ça­ram no iní­cio de maio a mú­si­ca no You­Tu­be e atu­al­men­te con­tam com 80,1 mi­lhões de vi­su­a­li­za­ções, quan­tia que su­pe­ra até mes­mo “Ta Tran­qui­lo, Ta Fa­vo­rá­vel”, de MC Bin La­den, que foi ou­tro su­ces­so do gê­ne­ro e acu­mu­la 72 mi­lhões de vi­su­a­li­za­ções em se­te me­ses.

“Bum­bum Gra­na­da” foi lí­der do ser­vi­ço de stre­a­ming Spo­tify por três se­ma­nas e ho­je es­tá en­tre as três mais to­ca­das no Bra­sil pe­la re­de, além de ter si­do por cer­ca de uma se­ma­na a mais ven­di­da na lo­ja di­gi­tal do iTu­nes Bra­sil.

O co­me­ço da du­pla, em 2013, acon­te­ceu no bair­ro El­do­ra­do, em Di­a­de­ma, quan­do fi­ze­ram ami­za­de.

“Vi­mos que sem­pre que nos jun­tá­va­mos saia coi­sa boa e re­sol­ve­mos fa­zer a du­pla”, con­tou Za­ac, que nas­ceu na ci­da­de. Jer­ry é na­tu­ral da Bahia, mas mo­ra na re­gião des­de os 9 anos.

Mu­dan­ça O re­pen­ti­no su­ces­so fez com que a ro­ti­na da du­pla mu­das­se tan­to no dia a dia, com o re­co­nhe­ci­men­to dos fãs, co­mo pro­fis­si­o­nal­men­te.

“Nós re­a­li­za­mos 20 shows por se­ma­na atu­al­men­te. An­tes eram uns cin­co por mês e ain­da ti­nha­mos que sair pe­din­do pa­ra can­tar nos bai­les. Ho­je não te­mos nem tempo de fi­car em ca­sa di­rei­to”, dis­se Jer­ry.

A mú­si­ca é de au­to­ria pró­pria e foi cri­a­da em um mo­men­to de des­con­tra­ção. “Es­tá­va­mos brin­can­do e ven­do uns ví­de­os e aca­bou sain­do. Jun­ta­mos idei­as so­bre ti­pos de funk que da­vam pa­ra dan­çar e a mú­si­ca cri­ou cor­po”, dis­se Za­ac. Os dois têm a du­pla Clau­di­nho e Bu­che­cha co­mo ins­pi­ra­ção pa­ra a car­rei­ra.

Um dos des­ta­ques da can­ção de su­ces­so es­tá no vo­cal gra­ve do re­frão “vai ta­ca, ta­ca, ta­ca, ta­ca”, fei­ta por Jer­ry. “Não é uma voz for­ça­da. Fa­ze­mos au­la de can­to, ten­ta­mos sem­pre apren­der téc­ni­cas vo­cais. Te­mos uma ba­te­ria de shows mui­to gran­de e mes­mo as­sim não saio rou­co. O tim­bre e a téc­ni­ca vo­cal me aju­dam a che­gar na­que­le gra­ve for­te”, ex­pli­cou o MC.

Pa­ra dar sequên­cia à car­rei­ra, Za­ac e Jer­ry apos­tam na nova mú­si­ca “Pa­ra­nauê” e em “Du­bai”, que se­rá lan­ça­da em bre­ve.

| DIVULGAÇÃO

Du­pla li­de­rou o Spo­tify por três se­ma­nas com a mú­si­ca ‘Bum­bum Gra­na­da’

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.