Trei­na­dor obri­ga­va atle­tas a pa­gar por va­ga na Pa­ra­lim­pía­da

Metro Brazil (ABC) - - Esporte -

O cri­té­rio téc­ni­co não ga­ran­tiu a pre­sen­ça dos atle­tas na Se­le­ção Bra­si­lei­ra de tê­nis de mesa pa­ra­lím­pi­co nos úl­ti­mos anos, ga­ran­te o de­le­ga­do An­dré Sa­la, da Po­lí­cia Ci­vil do Dis­tri­to Fe­de­ral. O so­nho dos me­sa­te­nis­tas de dis­pu­tar a Pa­ra­lim­pía­da em seu país, segundo a in­ves­ti­ga­ção, pas­sa­va pe­lo pa­ga­men­to de pro­pi­na de 10% a 13% so­bre o va­lor men­sal que os com­pe­ti­do­res re­ce­bem do Bol­sa Atle­ta, be­ne­fí­cio pa­go pe­lo go­ver­no fe­de­ral (en­tre R$ 3 mil e R$ 15 mil), pa­ra o trei­na­dor do ti­me, Jo­sé Ri­car­do Riz­zo­ne. Ele foi afas­ta­do do car­go pe­la Jus­ti­ça e proi­bi­do de fa­lar com os atle­tas.

A po­lí­cia des­con­fia que o ti­me que foi ao Pa­ra­pan de To­ron­to, em 2015, po­de ter si­do ma­ni­pu­la­do por Riz­zo­ne, que já era o trei­na­dor. “Te­mos pro­vas ma­te­ri­ais de que ele co­bra­va pa­ra man­ter atle­tas no ti­me des­de 2013. Quem se re­cu­sas­se, era ti­ra­do de se­le­ti­vas”, dis­se o de­le­ga­do.

O ti­me pa­ra­lím­pi­co de ca­dei­ran­tes trei­na­va em Bra­sí­lia, sob o co­man­do de Riz­zo­ne, por­que o Mi­nis­té­rio do Es­por­te re­pas­sou R$ 2,3 mi­lhões, em 2013, pa­ra a es­tru­tu­ra­ção das ins­ta­la­ções (par­te do di­nhei­ro foi pa­ra ou­tro cen­tro, em Pi­ra­ci­ca­ba).

As in­ves­ti­ga­ções co­me­ça­ram há seis me­ses, segundo o de­le­ga­do, com ba­se na de­nún­cia de um atle­ta. “Ele nos en­tre­gou um his­tó­ri­co de What­sApp, email-s com co­bran­ça da pro­pi­na e uma gra­va­ção”, con­ta An­dré Sa­la.

Em no­ta, a Con­fe­de­ra­ção Bra­si­lei­ra de Tê­nis de Mesa in­for­mou que os 17 atle­tas já con­fir­ma­dos na Pa­ra­lim­pía­da es­tão man­ti­dos. A en­ti­da­de em­pos­sou o téc­ni­co Lu­ci­a­no Pos­sa­mai pa­ra o lu­gar de Riz­zo­ne. ME­TRO BRA­SÍ­LIA

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.