Me­ta­de dos pro­fis­si­o­nais es­tá in­fe­liz com as fé­ri­as

Pesquisa mos­tra que 48% das pes­so­as es­tão in­sa­tis­fei­tas com as fé­ri­as. Re­cla­ma­ção atin­ge frequên­cia e quan­ti­da­de de di­as

Metro Brazil (ABC) - - Economia - CAR­LOS GIACOMELI

O tra­ba­lha­dor pas­sa o ano pensando na­que­le mo­men­to de des­can­so pa­ra vi­a­jar, des­can­sar, re­ver os ami­gos ou ape­nas fi­car de per­nas pa­ra o ar. As fé­ri­as são sem­pre bem-vin­das, mas ul­ti­ma­men­te não têm che­ga­do da me­lhor for­ma à mai­o­ria dos pro­fis­si­o­nais. Uma pesquisa fei­ta na re­gião de Cam­pi­nas (SP) mos­trou que 48% dos tra­ba­lha­do­res es­tão in­sa­tis­fei­tos com o pe­río­do de des­can­so. Os prin­ci­pais mo­ti­vos são a quan­ti­da­de pe­que­na de di­as ou a frequên­cia mui­to bai­xa de fol­gas.

O le­van­ta­men­to, que ou­viu 250 pro­fis­si­o­nais, foi fei­to pe­lo es­pe­ci­a­lis­ta em Car­rei­ra, Com­pe­tên­ci­as e Ges­tão de Ino­va­ção, Mar­ce­lo Ve­ras.

Des­se to­tal, 20% de­les re­ve­la­ram que não ti­ram fé­ri­as há dois anos. Is­so, se­gun­do o es­pe­ci­a­lis­ta em car­rei­ra, é no­ci­vo pa­ra o pro­fis­si­o­nal. “Nos­so cor­po e men­te pre­ci­sam de des­can­so. O que acon­te­ce ho­je é que, além de tu­do, a cri­se econô­mi­ca atua de for­ma pre­ju­di­ci­al por­que quem es­tá tra­ba­lhan­do tem me­do de sair e per­der seu pos­to e, mui­tas ve­zes, fi­ca pa­ra mos­trar com­pro­me­ti­men­to”, ex­pli­ca. “Há uma so­bre­car­ga gran­de que im­pe­de as pes­so­as de ti­ra­rem fé­ri­as com a frequên­cia e quan­ti­da­de de di­as ne­ces­sá­ri­os”, com­ple­ta.

Es­sa al­ta car­ga de tra­ba­lho é o mo­ti­vo que atra­pa­lha o em­pre­sá­rio Tar­cio Oli­vei­ra, que tem uma lo­ja de ven­da vir­tu­al de pro­du­tos. “Nos úl­ti­mos três anos, con­se­gui ti­rar uma se­ma­na, 10 di­as, mas nun­ca um pe­río­do com­ple­to. Eu até gos­ta­ria de fi­car um tempo a mais des­can­san­do, mas co­mo a em­pre­sa é pe­que­na, acu­mu­la­mos fun­ções”, ex­pli­ca.

Se­gun­do ele, a fal­ta de des­can­so pe­sa no can­sa­ço no de­cor­rer dos di­as. “Pre­ju­di­ca e cau­sa can­sa­ço men­tal. Es­se ano tam­bém não vou con­se­guir ti­rar, mas já es­tou co­me­çan­do a me pla­ne­jar pa­ra o ano que vem”, diz.

Es­se pla­ne­ja­men­to, se­gun­do Ve­ras, é im­por­tan­te pa­ra ter um pe­río­do de fé­ri­as com mais qua­li­da­de. “Não é só a quan­ti­da­de de di­as. Al­gu­mas pes­so­as pre­fe­rem ti­rar du­as fé­ri­as de 15 di­as, por exem­plo. O im­por­tan­te é se or­ga­ni­zar pa­ra apro­vei­tar o pe­río­do”, ex­pli­ca. Do to­tal de en­tre­vis­ta­dos, 84% di­zem que que­rem vi­a­jar qu­an­do es­ti­ve­rem em fé­ri­as. Evi­tan­do trans­tor­nos Pa­ra Ve­ras, al­guns pon­tos são im­por­tan­tes pa­ra não ar­rui­nar as fé­ri­as. Um de­les é se or­ga­ni­zar quan­to ao di­nhei­ro. “Lem­bre-se que o sa­lá­rio do mês foi an­te­ci­pa­do. As­sim, é pre­ci­so pru­dên­cia na ho­ra de gas­tar”. Ou­tro pon­to é não se iso­lar do mun­do. Se­gun­do o es­pe­ci­a­lis­ta, fé­ri­as tam­bém são im­por­tan­tes pa­ra se atu­a­li­zar. “Con­ver­sar com as pes­so­as, sa­ber das ten­dên­ci­as, co­nhe­cer mais so­bre o mer­ca­do em que você tra­ba­lha, tu­do is­so de­ve ser va­lo­ri­za­do. Não se po­de mais es­tar iso­la­do do mun­do por 30 di­as. Po­de ser um tempo mui­to gran­de, de­pen­den­do do ra­mo em que se tra­ba­lha”, diz.

20% dos en­tre­vis­ta­dos não ti­ram fé­ri­as há dois anos

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.