MAYRA É SÓ ALE­GRIA!!!

Úni­ca ju­do­ca bra­si­lei­ra a su­bir ao pó­dio em du­as Olim­pía­das se­gui­das, gaú­cha fi­ca com o bronze na ca­te­go­ria até 78 kg e ga­ran­te a 3ª me­da­lha do Bra­sil no Rio

Metro Brazil (ABC) - - Front Page - RENATA MA­CHA­DO ME­TRO RIO

Mayra Aguiar en­trou no ta­ta­me, on­tem, com o ob­je­ti­vo de se tor­nar cam­peã olím­pi­ca no Rio. Na se­mi­fi­nal, po­rém, o so­nho do ou­ro te­ve de ser adiado, mas, em pou­cos mi­nu­tos, a ju­do­ca da ca­te­go­ria até 78 kg te­ria a chan­ce de con­se­guir ou­tro fei­to. Co­lo­cou a ca­be­ça no lu­gar e ca­na­li­zou a rai­va pa­ra lu­tar pe­lo bronze. De­ter­mi­na­da, saiu com a me­da­lha no pei­to e se tor­nou a pri­mei­ra bra­si­lei­ra a con­quis­tar dois pó­di­os no judô em Olim­pía­das.

“Não con­quis­tei o que eu que­ria, mas, de­pois que per­di, co­lo­quei na ca­be­ça que era uma no­va com­pe­ti­ção. Saí vi­to­ri­o­sa e fe­liz. Já con­quis­tei uma me­da­lha em Lon­dres [2012]. Ago­ra, com es­sa vi­bra­ção e es­sa emo­ção que o po­vo tem, foi má­gi­co”, vi­brou.

A gaú­cha, de 25 anos, co­me­çou o dia avas­sa­la­do­ra. Ca­be­ça de cha­ve, en­trou di­re­to nas oitavas de fi­nal e pre­ci­sou de ape­nas 39 se­gun­dos pa­ra der­ro­tar, por ip­pon, a aus­tra­li­a­na Mi­ran­da Gi­am­bel­li. Nas quar­tas, fez lu­ta mais du­ra com a ale­mã Lau­ra Mal­zahn, na qual saiu ven­ce­do­ra por con­ta de uma pu­ni­ção da opo­nen­te. Na se­mi­fi­nal, Mayra foi ao chão ao per­der pa­ra a fran­ce­sa Au­drey Tcheu­meo (pra­ta ao per­der pa­ra a ame­ri­ca­na Kay­la Har­ri­son). A fran­ce­sa re­ce­beu só uma pu­ni­ção, en­quan­to a bra­si­lei­ra, du­as.

Foi aí que Mayra se lem­brou de Lon­dres, vi­rou a cha­ve e deu cer­to. Apli­cou um yo­ko na cu­ba­na Yal­le­nis Castillo e saiu ven­ce­do­ra. “Em 2012, vi o quan­to va­lia a pe­na con­ti­nu­ar ba­ta­lhan­do e le­var a me­da­lha pa­ra ca­sa. Ainda mais aqui no Bra­sil. Não po­dia sair da­li sem dar es­sa ale­gria pa­ra o po­vo, que me acom­pa­nhou e tor­ceu”, agra­de­ceu a ju­do­ca, adi­an­do o ob­je­ti­vo ini­ci­al pa­ra a Olim­pía­da de Tóquio-2020: “Ho­je é pa­ra co­me­mo­rar. Mas aca­bou um ci­clo olím­pi­co e ama­nhã co­me­ça ou­tro. Ago­ra, tem Ja­pão.”

“Es­sa ener­gia da tor­ci­da me deu mui­ta for­ça pa­ra vol­tar e con­quis­tar es­sa me­da­lha. Per­di o ou­ro, mas não a gu­er­ra. Saí cam­peã de­la” MAYRA AGUIAR,

Fes­ta pre­pa­ra­da

Con­si­de­ra­da pro­dí­gio do es­por­te des­de o iní­cio da car­rei­ra, a ju­do­ca por­to-ale­gren­se da So­gi­pa (So­ci­e­da­de de Gi­nás­ti­ca de Por­to Ale­gre) é do­na de me­ta­de das qua­tro me­da­lhas olím­pi­cas con­quis­ta­das por atle­tas gaú­chos em es­por­tes in­di­vi­du­ais. “Nas­ceu pra lu­tar judô”, di­zia o post nas re­des so­ci­ais da So­gi­pa.

“Pa­ra­béns, Mayra Aguiar! Gre­mis­ta me­da­lhis­ta de Bronze!”, co­me­mo­rou seu clu­be do co­ra­ção, o Grê­mio, em con­ta ofi­ci­al no Twit­ter.

A che­ga­da da atle­ta em Por­to Ale­gre se­rá na quar­ta-fei­ra. Ela de­ve des­fi­lar em ca­mi­nhão do Cor­po de Bom­bei­ros.

TORU HANAI/REU­TERS

FO­TOS: BRU­NA PRA­DO/ME­TRO RIO

Mayra le­vou o bronze, as­sim co­mo em Lon­dres 2012 Mayra der­ro­tou a cu­ba­na Yal­le­nis Castillo

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.