ISAQUIAS ARRETADO!

Ca­noís­ta bai­a­no de Ubai­ta­ba re­ma for­te, con­quis­ta me­da­lha de pra­ta iné­di­ta na mo­da­li­da­de e avi­sa lá: ain­da po­de vir mais pó­dio por aí

Metro Brazil (ABC) - - Front Page -

Na pri­mei­ra fi­nal de sua es­treia em Olim­pía­das, Isaquias Queiroz já mar­cou seu es­pa­ço no es­por­te bra­si­lei­ro. Com a me­ta que ele mes­mo es­ti­pu­lou de sair dos Jo­gos do Rio com três me­da­lhas no pei­to, on­tem de ma­nhã o bai­a­no, de 22 anos, abo­ca­nhou a pri­mei­ra: uma pra­ta na pro­va C1 1000m da canoagem ve­lo­ci­da­de, o pri­mei­ro pó­dio olím­pi­co do Bra­sil na mo­da­li­da­de.

O ca­noís­ta atra­ves­sou os mil me­tros da raia na La­goa Ro­dri­go de Freitas em 3m58s529, pou­co mais de um se­gun­do atrás do ale­mão Se­bas­ti­an Bren­del (3m56s926), que fi­cou com o ou­ro e se sa­grou bi­cam­peão olím­pi­co. Serghei Tar­novs­chi, da Mol­dá­via, com­ple­tou o pó­dio, on­de os três se abra­ça­ram e ti­ra­ram sel­fi­es.

“Fa­lei que sou mui­to fã de- le [do ale­mão], por­que o ca­ra não é qual­quer um. Trei­na mui­to e che­ga pa­ra do­mi­nar a pro­va. Ele tam­bém me cum­pri­men­tou, deu pa­ra­béns, fa­lou que sou mui­to bom e ain­da es­tou no­vo, te­nho mui­to tem­po”, con­tou Isaquias.

O atle­ta che­gou a fi­car na fren­te do ído­lo e ri­val na me­ta­de da pro­va, mas não con­se­guiu se­gu­rar a re­ma­da for­te o tem­po to­do e foi ul­tra­pas­sa­do por Se­bas­ti­an. “Ti­ve que do­sar um pou­co o rit­mo pa­ra não me des­gas­tar mui­to. Ti­nha ven­to de fren­te e nos 1000m com­pli­ca mais. Ain­da ten­tei che­gar, mas não deu. Ago­ra, é es­pe­rar as pró­xi­mas pro­vas. Mi­nha me­ta está man­ti­da”, vi­brou Isaquias.

Nas­ci­do em Ubai­ta­ba, ci­da­de de 23 mil ha­bi­tan­tes, o ca­noís­ta mal te­ve tem­po de co­me­mo­rar a con­quis­ta com a fa­mí­lia e os ami­gos bai­a­nos que vi­e­ram ao Rio pa­ra apoiá-lo. Ao des­cer do pó­dio, deu um abra­ço na mãe, Dil­ma Queiroz, e fa­lou ra­pi­da­men­te com ela e os ir­mãos.

“Meu trei­na­dor [o es­pa­nhol Je­sús Mor­lán] de­ve es­tar lou­co me es­pe­ran­do pa­ra eu ir pa­ra a água já, por­que te­nho que mu­dar a es­tra­té­gia pa­ra o C1 200m”, jus­ti­fi­cou, re­fe­rin­do-se à pro­va na qual ele dis­pu­ta as eli­mi­na­tó­ri­as ho­je. A fi­nal da pro­va é ama­nhã. Na sex­ta, ele ain­da com­pe­te na eli­mi­na­tó­ria do C2 1000m, ao la­do do tam­bém bai­a­no Er­lon de Sou­za.

BRUNA PRADO/METRO RIO

Isaquias co­me­mo­ra a pra­ta com a mãe, Dil­ma, que as­sis­tiu a uma pro­va do fi­lho pe­la pri­mei­ra vez

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.