TOR­TU­RA CHINESA

Cam­peã olím­pi­ca em Lon­dres-2012 e com uma cam­pa­nha im­pe­cá­vel na pri­mei­ra fa­se, a se­le­ção brasileira fe­mi­ni­na de vôlei per­de pa­ra a Chi­na por 3 sets a 2 e está fora da Rio-2016

Metro Brazil (ABC) - - Esporte -

O ce­ná­rio es­ta­va ar­ma­do pa­ra mais um ou­ro, umas das mais cer­tas do Ti­me Bra­sil. Na pri­mei­ra fa­se fo­ram cin­co jo­gos, cin­co vi­tó­ri­as, to­das por 3 sets a 0 pa­ra a se­le­ção brasileira. Mas, nas quar­tas de fi­nal, ti­nha a for­te Chi­na pe­lo ca­mi­nho.

Pa­re­cia que o jo­go se­ria de uma se­le­ção só. No pri­mei­ro set, o Bra­sil não to­mou co­nhe­ci­men­to da Chi­na e fe­chou com fá­ceis 25/15. Foi im­pres­si­o­nan­te a fa­ci­li­da­de com que as bra­si­lei­ras che­ga­ram no pla­car, mui­to pa­re­ci­do com os jo­gos da fa­se de gru­po. Tu­do fun­ci­o­na­va.

O co­me­ço do se­gun­do set se­guia com o mes­mo script: o Bra­sil do­mi­nan­do e a Chi­na ten­tan­do se en­con­trar. E con­se­guiu. Na me­ta­de da eta­pa con­se­guiu vi­rar o jo­go e fe­char o pla­car em 25 a 23. O em­pa­te de­ses­ta­bi­li­zou as bra­si­lei­ras, que er­ra­ram mui­to, no ata­que, na re­cep­ção, até em sa­ques sim­ples e pon­tos gra­tui­tos. Re­sul­ta­do: 2 a 1 pa­ra a Chi­na, com 25 a 22 no ter­cei­ro set.

Era tu­do ou na­da. E pa­re­cia que na­da es­ta­va en­ca­mi­nha­do. Quan­do a Chi­na ven­cia, foi a sen­si­bi­li­da­de do téc­ni­co Jo­sé Ro­ber­to Gui­ma­rães que con­tou, quan­do co­lo­cou Ju­ci­ely no jo­go. A atle­ta mu­dou o pa­no­ra­ma da dis­pu­ta, com blo­quei­os, ata­ques e óti­mos sa­ques. E o Bra­sil fe­chou bem, em 25 a 22, le­van­do pa­ra o tie-bra­ke.

E o equi­lí­brio foi do co­me­ço ao fim. Shei­la es­ta­va mui­to mar­ca­da e Zé Ro­ber­to in­sis­tia pa­ra as atle­tas ro­da­rem o jo­go, ten­tan­do ou­tras al­ter­na­ti­vas. Os dois la­dos es­ta­vam ten­sos e al­ter­na­vam bons e maus mo­men­tos.

Po­rém, no meio do set, a Chi­na so­bres­saiu e abriu dois pon­tos de van­ta­gem. Es­sa di­fe­ren­ça elas le­va­ram até o fim: 15 a 13. E a Chi­na ven­ceu por 3 sets a 2, dei­xan­do a se­le­ção fe­mi­ni­na brasileira fora da dis­pu­ta do vôlei.

“Pre­ci­sa­mos le­van­tar a ca­be­ça, sa­ber que o ad­ver­sá­rio foi me­lhor… É mui­to tris­te. Foi mui­to tra­ba­lho, mui­ta de­di­ca­ção, mas al­guém tem que per­der”, dis­se um se­re­no Jo­sé Ro­ber­to Gui­ma­rães, que lo­go após o fi­nal do jo­go re­ce­beu o abra­ço de seu ne­to que, cho­ran­do, atra­ves­sou a qua­dra pa­ra abra­çar o avô.

A Chi­na en­fren­ta a Ho­lan­da na de­ci­são de quem che­ga a fi­nal do tor­neio.

“Es­tou sem pa­la­vras. Te­mos um gru­po ma­ra­vi­lho­so, nos de­di­ca­mos e lu­ta­mos mui­to por es­se mo­men­to. Não con­si­go fa­lar so­bre es­se jo­go ago­ra. Des­cul­pa” FA­BI­A­NA, CAPITÃ DA SE­LE­ÇÃO BRASILEIRA FE­MI­NI­NA DE VÔLEI

YVES HERMAN/REUTERS

JaqJauqeu­li­en­lein­ceh­lo­ar­ma eanp­tóas a ad­de­er­r­ro­o­ta­tap­pa­ar­ra­a­a­aCChhi­ni­naa

YVES HERMAN/REUTERS

Chi­ne­sas cho­ram de emo­ção com a vi­tó­ria

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.