Mo­to­ris­tas cru­zam os bra­ços e 30 mil fi­cam sem ôni­bus

Fun­ci­o­ná­ri­os de seis em­pre­sas de li­nhas in­ter­mu­ni­ci­pais na re­gião ale­gam fal­ta de pa­ga­men­to

Metro Brazil (ABC) - - Front Page - CADU PROIETI METRO ABC

Gre­ve re­a­li­za­da on­tem por apro­xi­ma­da­men­te 800 fun­ci­o­ná­ri­os de seis em­pre­sas que ope­ram li­nhas in­ter­mu­ni­ci­pais no ABC dei­xou cer­ca de 30 mil pas­sa­gei­ros da re­gião sem ôni­bus du­ran­te to­do o dia. A es­ti­ma­ti­va de pú­bli­co afe­ta­do pe­la pa­ra­li­sa­ção foi da­da pe­la EMTU (Em­pre­sa Me­tro­po­li­ta­na de Trans­por­tes Ur­ba­nos), que ge­ren­cia o sis­te­ma.

Ao to­do, 21 li­nhas que vão de São Ber­nar­do, San­to An­dré, Di­a­de­ma e Mauá a São Pau­lo, prin­ci­pal­men­te em di­re­ção do Ter­mi­nal Sa­co­mã, na ca­pi­tal, dei­xa­ram de ope­rar.

O Sin­te­tra (Sin­di­ca­to dos Ro­do­viá­ri­os do ABC) in­for­mou que os tra­ba­lha­do­res das vi­a­ções São Ca­mi­lo, Ur­ba­na, Tri­ân­gu­lo, Ri­a­cho Gran­de, Imi­gran­tes e Ea­o­sa (que só pa­ra­ram a par­tir das 11h) de­ci­di­ram cru­zar os bra­ços após novo atra­so no pa­ga­men­to do sa­lá­rio, que era pa­ra ser de­po­si­ta­do no dia 5, e do va­le-re­fei­ção, que de­ve­ria ser pa­go no dia 1º. Até on­tem, os be­ne­fí­ci­os não ti­nham si­do pa­gos pe­las em­pre­sas.

Não é a pri­mei­ra vez que is­so acon­te­ceu nes­te ano. Se­gun­do a ca­te­go­ria, os atra­sos têm si­do co­muns.

Até às 21h de on­tem não ha­via de­fi­ni­ção so­bre a re­to­ma­da dos tra­ba­lhos ho­je. A re­por­ta­gem con­se­guiu con­fir­mar com mem­bros do sin­di­ca­to so­men­te que os fun­ci­o­ná­ri­os da Ea­o­sa se­gui­ri­am de bra­ços cru­za­dos e que os ôni­bus da Ri­a­cho Gran­de irão cir­cu­lar nor­mal­men­te.

Pa­ra ame­ni­zar os im­pac­tos da gre­ve, a EMTU dis­se que so­li­ci­tou à em­pre­sa Mo­bi­bra­sil o re­for­ço de fro­ta de su­as li­nhas pa­ra co­brir os ser­vi­ços pa­ra­li­sa­dos das em­pre­sas Ri­a­cho Gran­de e Tri­ân­gu­lo. Os usuá­ri­os das de­mais em­pre­sas po­dem uti­li­zar as li­nhas mu­ni­ci­pais com in­te­gra­ção no Cor­re­dor Me­tro­po­li­ta­no ABD. Já os pas­sa­gei­ros das li­nhas da Ea­o­sa têm a op­ção de uti­li­zar a li­nha 10-Tur­que­sa da CPTM (Com­pa­nhia Pau­lis­ta de Trens Me­tro­po­li­ta­nos). Cri­se fi­nan­cei­ra O gru­po que co­man­da as vi­a­ções é de pro­pri­e­da­de do em­pre­sá­rio Bal­ta­zar Jo­sé de Sou­za, que te­ve pe­di­do de pri­são ex­pe­di­do pe­lo STF (Su­pe­ri­or Tri­bu­nal Fe­de­ral) em fe­ve­rei­ro do ano pas­sa­do. Ele foi con­de­na­do a qua­tro anos de pri­são e mul­ta por cri­mes fi­nan­cei­ros e tri­bu­tá­ri­os, mas não che­gou a ser de­ti­do.

Em no­ta, a com­pa­nhia ale­gou que pas­sa di­fi­cul­da­des fi­nan­cei­ras des­de o ano pas­sa­do, qu­an­do es­tu­dan­tes e ido­sos pas­sa­ram a ter pas­se li­vre pa­ra em­bar­car nos ôni­bus. De acor­do com o gru­po de Bal­ta­zar, a EMTU não re­pas­sa os va­lo­res re­fe­ren­tes às gra­tui­da­des des­de de­zem­bro. Com is­so, o gru­po diz ter acu­mu­la­do dé­fi­cit de R$ 3,8 mi­lhões nes­te ano.

A com­pa­nhia não deu pre­vi­são pa­ra pa­gar o sa­lá­rio e o va­le-re­fei­ção dos fun­ci­o­ná­ri­os.

A EMTU in­for­mou que não tem dé­bi­tos com Bal­ta­zar. “Es­te gru­po de em­pre­sas con­ti­nua ope­ran­do no sis­te­ma em vir­tu­de de de­ci­são ju­di­ci­al ex­pe­di­da em Ma­naus (AM) que im­pe­de pro­vi­dên­ci­as pa­ra a subs­ti­tui­ção das per­mis­si­o­ná­ri­as.”

| DEIVIDI CORREA/FUTURA PRESS

Car­ros im­pe­di­ram a saí­da dos co­le­ti­vos da ga­ra­gem em São Ber­nar­do

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.