Dí­vi­da. Em­prés­ti­mo e car­tão de lo­ja ele­vam ina­dim­plên­cia

Metro Brazil (ABC) - - Ecomomia -

Em­prés­ti­mos e car­tões de lo­ja são os prin­ci­pais vi­lões da ina­dim­plên­cia, se­gun­do pes­qui­sa re­a­li­za­da pe­lo SPC Bra­sil.

Se­te em ca­da dez (76,1%) en­tre­vis­ta­dos que con­tra­ta­ram al­gum em­prés­ti­mo es­tão ina­dim­plen­tes por­que não pa­ga­ram as par­ce­las em dia. As com­pras fei­tas no car­tão de lo­ja apa­re­cem em se­gun­do lu­gar (73,1%).

Pa­ga­men­tos atra­sa­dos no cre­diá­rio ou car­nê (62,5%), as par­ce­las pen­den­tes no car­tão de cré­di­to (62,1%) e o che­que es­pe­ci­al (46,9%) vêm em se­gui­da co­mo as mo­da­li­da­des que mais le­va­ram os en­tre­vis­ta­dos à ina­dim­plên­cia.

“No atu­al mo­men­to de in­cer­te­zas na eco­no­mia é im­por­tan­te que os con­su­mi­do­res se­jam con­ser­va­do­res com o bol­so e te­nham al­guns cui­da­dos na ho­ra de ad­qui­rir no­vas dí­vi­das, em es­pe­ci­al se elas são no car­tão de cré­di­to ou no che­que es­pe­ci­al”, aler­ta a eco­no­mis­ta-che­fe do SPC Bra­sil, Mar­ce­la Kawau­ti.

Mui­tos tam­bém es­tão com res­tri­ção ao cré­di­to por­que dei­xa­ram de pa­gar em dia con­tas com al­gum ti­po de ser­vi­ço. No ca­so, a prin­ci­pal con­ta res­pon­sá­vel por dei­xar os con­su­mi­do­res com o no­me su­jo é a de te­le­fo­ne fi­xo e ce­lu­lar, ci­ta­da por 14,7% dos en­tre­vis­ta­dos que pos­su­em es­se ti­po de com­pro­mis­so.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.