CLÁUDIO HUMBERTO

Metro Brazil (ABC) - - Brasil - CLAUDIO.HUMBERTO @METROJORNAL.COM.BR

MALANDRAGEM DE WAG­NER PO­DE SER ANULADA NO

STF. Além de ver seu ato de no­me­a­ção anu­la­do, o go­ver­na­dor da Bahia, Rui Cos­ta (PT), cor­re o ris­co de res­pon­der por obs­tru­ção à Jus­ti­ça, ca­so con­fir­me o ex-mi­nis­tro Ja­ques Wag­ner (PT) co­mo seu se­cre­tá­rio. A malandragem é idên­ti­ca à no­me­a­ção de Lu­la mi­nis­tro. As­sim co­mo anu­lou o ato de Dil­ma, diz um mi­nis­tro do STF, se for pro­vo­ca­do, o Su­pre­mo Tri­bu­nal Fe­de­ral de­ve in­va­li­dar a no­me­a­ção de Wag­ner.

CADEIA, DE CERTEZA. A ma­no­bra po­de ren­der ação pe­nal por cri­me de obs­tru­ção, dos pou­cos que dão cadeia na cer­ta, co­mo no ca­so Del­cí­dio do Ama­ral (ex-PT-MS).

FORO PRIVILEGIADO. Com a no­me­a­ção, Ja­ques Wag­ner quer ga­nhar foro privilegiado pa­ra fu­gir do al­can­ce do juiz fe­de­ral Sér­gio Mo­ro, de pri­mei­ra ins­tân­cia.

SO­BE PA­RA O STJ. Co­mo se­cre­tá­rio de Es­ta­do, Ja­ques Wag­ner te­rá de ser pro­ces­sa­do e jul­ga­do no âm­bi­to do STJ (Su­pe­ri­or Tri­bu­nal de Jus­ti­ça). PRESSÃO PETISTA. Ami­gos de Rui Cos­ta afir­mam que o PT e o pró­prio Wag­ner, que o in­ven­tou co­mo can­di­da­to a go­ver­na­dor, pres­si­o­nam pe­la no­me­a­ção.

PRI­SÕES DIFERENTES. Pre­so sob a acu­sa­ção do MPF (Mi­nis­té­rio Pú­bli­co Fe­de­ral) de che­fi­ar a qua­dri­lha que rou­bou R$ 220 mi­lhões dos co­fres pú­bli­cos do Rio de Ja­nei­ro, o ex-go­ver­na­dor Sér­gio Ca­bral não é o pri­mei­ro mem­bro da fa­mí­lia a ir em ca­na. Seu pai, tam­bém Sér­gio Ca­bral, tam­bém foi pre­so, mas pe­la atu­a­ção de hu­mor Pas­quim, que de­sa­fi­a­va o re­gi­me mi­li­tar.

BEM DIFERENTES. Ao con­trá­rio do pai, um ca­ri­o­ca boa pra­ça, Sér­gio Ca­bral Fi­lho exer­ceu o po­der com tru­cu­lên­cia e so­ber­ba. E fez do en­ri­que­ci­men­to sua me­ta.

LIS­TA DE ESPERA. As pri­sões de Sér­gio Ca­bral e Anthony Ga­ro­ti­nho são vis­tas co­mo pre­nún­cio. De­ses­pe­ra­do, o ex-pre­si­den­te Lu­la sa­be que sua ho­ra es­tá pró­xi­ma e que po­de­rá ser pre­so pe­la La­va Ja­to ain­da nes­te ano.

“EU NÃO FUI DEMITIDO” ROMERO JUCÁ, AO ASSUMIR CO­MO LÍDER DO GO­VER­NO, SO­BRE SUA SAÍDA DO PLANEJAMENTO

| ELZA FIÚSA/ AGÊNCIA BRASIL

Ja­ques Wag­ner

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.