Mais de 20 pro­fis­si­o­nais da im­pren­sa es­ta­vam no voo

Metro Brazil (ABC) - - Esporte -

Além da de­le­ga­ção da Cha­pe, 21 jor­na­lis­tas se­gui­am no mes­mo voo para a Colôm­bia – 20 de­les mor­re­ram. Só da Fox Sports, prin­ci­pal emis­so­ra na cobertura da com­pe­ti­ção, fo­ram seis per­das, in­cluin­do o co­men­ta­ris­ta Má­rio Sér­gio, ex-meia e trei­na­dor, com pas­sa­gens por Flamengo, Flu­mi­nen­se, Bo­ta­fo­go, In­ter, São Pau­lo, Pal­mei­ras e Grê­mio – on­de foi cam­peão mun­di­al em 83 –, en­tre ou­tros, além da Se­le­ção Bra­si­lei­ra. Ele dei­xou mu­lher e três fi­lhos.

Co­mo téc­ni­co, Má­rio Sér­gio tam­bém pas­sou por ou­tros gran­des clu­bes, co­mo Co­rinthi­ans, Atlé­ti­co-MG e Atlé­ti­co-PR. En­tre os co­le­gas mor­tos es­ta­va De­va Pas­co­vic­ci, nar­ra­dor com pas­sa­gens por SporTV e CBN.

Tam­bém mor­re­ram três pro­fi­si­so­nais da TV Globo, um re­pór­ter do Glo­bo­es­por­te.com e qua­tro co­la­bo­ra­do­res da RBS (afi­li­a­da da Globo em San­ta Ca­ta­ri­na), sen­do três da RBS TV e um re­pór­ter do jor­nal Diá­rio Ca­ta­ri­nen­se.

Tan­to a Rá­dio Su­per Con­dá quan­to a Rá­dio Cha­pe­có per­de­ram seus nar­ra­do­res, além de um re­pór­ter (Su­per Con­dá) e um co­men­ta­ris­ta (Cha­pe­có). Um co­men­ta­ris­ta da Rá­dio Vang FM e um re­pór­ter da Rá­dio Oes­te Ca­pi­tal, tam­bém da im­pren­sa lo­cal, mor­re­ram (ve­ja lis­ta com­ple­ta com os no­mes das ví­ti­mas aci­ma).

ME­TRO CU­RI­TI­BA

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.