AS IMPERDÍVEIS OFER­TAS DE NA­TAL: VA­MOS NES­SA?

Metro Brazil (ABC) - - Publimetro - MARCOS SIL­VES­TRE MARCOS.SIL­VES­TRE@METROJORNAL.COM.BR

Ho-ho-ho! To­do fi­nal de ano a ten­ta­ção de con­su­mo é gran­de: já em no­vem­bro a de­co­ra­ção na­ta­li­na in­va­de o comércio, tem o “es­quen­ta” da Black Fri­day, e fi­ca­mos to­dos ani­ma­dos com o cli­ma de “lá vem o Pa­pai No­el”! Ok, a vi­da foi fei­ta pa­ra ser ce­le­bra­da e as gran­des da­tas fes­ti­vas nos aju­dam a co­lo­car co­lo­ri­do no dia a dia. Só não va­le aban­do­nar o equi­lí­brio fi­nan­cei­ro pa­ra em­bar­car nes­sa “ale­gria” to­da! Imperdíveis... ah é? As ver­bas de mar­ke­ting de fa­bri­can­tes e lo­jas pa­ra o fi­nal do ano são for­tís­si­mas, o que sig­ni­fi­ca que ve­re­mos mui­tos anún­ci­os de ofer­tas ten­ta­do­ras. Cui­da­do: boa par­te dis­so po­de ser pu­ro oba-oba co­mer­ci­al! Pa­ra evi­tar fal­sas pro­mo­ções, ain­da em se­tem­bro ou ou­tu­bro, va­le ir se in­tei­ran­do do ver­da­dei­ro pre­ço da­qui­lo que se pre­ten­de com­prar no Na­tal, pa­ra po­der com­pa­rar di­rei­to. É o ca­so de com­prar, mes­mo? An­tes de com­prar, per­gun­te-se: eu que­ro? Eu pre­ci­so? Eu me­re­ço? Eu pos­so? Eu de­vo? Não é por­que se tra­ta da mai­or da­ta fes­ti­va do ano, e por­que to­do o mun­do es­tá (apa­ren­te­men­te) com­pran­do, que vo­cê pre­ci­sa com­prar tam­bém. Ao in­vés de fo­car nas “coi­sas”, po­de com­pen­sar mais fo­car nas ex­pe­ri­ên­ci­as: as fes­tas de Na­tal e da vi­ra­da, um pas­seio ou até uma vi­a­gem. Ju­ros em­bu­ti­dos. Se for com­prar al­gum bem de mai­or va­lor em parcelas, per­gun­te-se: as no­vas parcelas ca­be­rão no or­ça­men­to, jun­ta­men­te com as á exis­ten­tes, da­que­las dí­vi­das con­tra­ta­das an­tes? Ca­be­rão com fol­ga, da pri­mei­ra à úl­ti­ma? En­tão so­me os va­lo­res das parcelas e com­pa­re o to­tal com o (ver­da­dei­ro!) pre­ço à vis­ta (con­for­me pes­qui­sa que vo­cê fa­rá): tem ju­ros em­bu­ti­dos? Se ti­ver... es­que­ça! Es­con­di­di­nho. Um exem­plo: a TV LCD é anun­ci­a­da em uma cer­ta lo­ja em 12 parcelas “sem ju­ros” no car­tão de R$ 199,90 ca­da. Is­so dá, no to­tal, R$ 2.400,00. Pes­qui­san­do em ou­tras re­giões de comércio o mes­mo apa­re­lho, do mes­mo mo­de­lo, na cai­xa, com no­ta fis­cal e ga­ran­tia, tu­do bo­ni­ti­nho, vo­cê en­con­tra por R$ 2 mil pa­ra pa­ga­men­to à vis­ta. En­tão... fi­ca cla­ro que es­tão lá R$ 400,00 de ju­ros em­bu­ti­dos! Olha a vi­ra­a­a­da! Cui­da­do tam­bém pa­ra não abu­sar das compras de fi­nal de ano, por­que lo­go ja­nei­ro es­ta­rá aí. Co­mo acon­te­ce em to­do co­me­ci­nho de ano, lá vem IPVA dos car­ros, IPTU da ca­sa, e re­no­va­ção do uni­for­me e ma­te­ri­al es­co­lar das cri­an­ças. Tu­do is­so te­rá de ca­ber no or­ça­men­to fa­mi­li­ar, que an­da apa­nhan­do do de­sem­pre­go e da in­fla­ção. Mas... se en­trar em 2017 com o “bol­so di­rei­to”... vai pros­pe­rar!

Eco­no­mis­ta com MBA em Fi­nan­ças (USP), atua co­mo ori­en­ta­dor de fa­mí­li­as e edu­ca­dor em em­pre­sas (Me­to­do­lo­gia PROFE®). Co­men­ta­ris­ta econô­mi­co do Gru­po Ban­dei­ran­tes de Rá­dio e TV, é au­tor de “Os 10 Man­da­men­tos da Pros­pe­ri­da­de” e di­ri­ge o si­te www.edu­car­pa­ra­pros­pe­rar.com.br.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.