Rio anun­cia que te­rá Fun­do de Se­gu­ran­ça

Go­ver­na­dor diz que re­cur­sos vi­rão dos royal­ti­es do pré-sal

Metro Brazil (ABC) - - Primeira página -

O go­ver­na­dor do Rio, Luiz Fer­nan­do Pe­zão (PMDB), anun­ci­ou on­tem a cri­a­ção do Fun­do de Se­gu­ran­ça, com re­cur­sos da ar­re­ca­da­ção de royal­ti­es do pré-sal. Pro­je­to de lei com a pro­pos­ta se­rá en­vi­a­do nes­ta se­ma­na à Alerj (As­sem­bleia Le­gis­la­ti­va do Rio).

“Dos 10% [de royal­ti­es] que vão pa­ra o Fun­do de Con­ser­va­ção Am­bi­en­tal (Fe­cam), va­mos re­pas­sar 5% pa­ra a se­gu­ran­ça pú­bli­ca e ga­ran­tir a in­te­gra­ção com a pre­fei­tu­ra na ope­ra­ção Se­gu­ran­ça Pre­sen­te e a me­lho­ra das condições de tra­ba­lho das po­lí­ci­as Mi­li­tar e Ci­vil”, dis­se Pe­zão du­ran­te o lan­ça­men­to do ca­len­dá­rio tu­rís­ti­co do Rio.

Se­gun­do es­ti­ma­ti­vas do go­ver­na­dor, man­ti­da a pro­du­ção atu­al, e so­ma­da a pro­du­ção do pré-sal, o fun­do de­ve­rá ter R$ 197 mi­lhões pa­ra a área de se­gu­ran­ça. Ele acres­cen­tou que o fun­do tam­bém po­de­rá re­ce­ber apor­tes da ini­ci­a­ti­va pri­va­da pa­ra apoi­ar ações de se­gu­ran­ça pú­bli­ca no Es­ta­do. “Além dis­so, o pro­je­to vai per­mi­tir me­lho­rar o pro­gra­ma das UPPs [Uni­da­des de Po­lí­cia Pa­ci­fi­ca­do­ra], in­clu­si­ve dis­po­ni­bi­li­zan­do re­cur­sos pa­ra ações so­ci­ais nas co­mu­ni­da­des”, dis­se.

Pe­zão ain­da ga­ran­tiu que as for­ças es­ta­du­ais de se­gu­ran­ça per­ma­ne­ce­rão na fa­ve­la da Ro­ci­nha “por tempo in­de­ter­mi­na­do”. On­tem foi o ter­cei­ro dia de ope­ra­ção con­jun­ta com as For­ças Ar­ma­das na co­mu­ni­da­de de São Con­ra­do, na zo­na sul do Rio, que vol­tou a re­gis­trar ti­ro­tei­os du­ran­te a tar­de, mas sem fe­ri­dos.

PMs do ser­vi­ço re­ser­va­do da UPP da Ro­ci­nha pren­de­ram mais um dos cri­mi­no­sos ali­a­dos do tra­fi­can­te Ro­gé­rio Ave­li­no da Sil­va, o Ro­gé­rio 157. Ema­nu­el Be­zer­ra de Araú­jo, 19 anos, ti­nha dois man­da­dos de pri­são em aber­to e foi pre­so den­tro de ca­sa, com um si­mu­la­cro de pis­to­la, após uma in­for­ma­ção pas­sa­da aos po­li­ci­ais atra­vés de um bi­lhe­te en­tre­gue por uma mo­ra­do­ra.

O pre­so es­ta­va com um fe­ri­men­to a ba­la na mão es­quer­da e con­tou que le­vou um ti­ro do tra­fi­can­te Ro­gé­rio 157, co­mo for­ma de pu­ni­ção, mas não re­ve­lou o mo­ti­vo. A po­lí­cia acre­di­ta que Ro­gé­rio, que dis­pu­ta o con­tro­le do trá­fi­co com o gru­po de Antô­nio Fran­cis­co Bon­fim Lo­pes, o Nem, es­te­ja es­con­di­do na Ro­ci­nha.

As for­ças de se­gu­ran­ça tam­bém apre­en­de­ram mu­ni­ção pa­ra fu­zil, 16 car­re­ga­do­res, dois rá­di­os de co­mu­ni­ca­ção e uma gra­na­da, além de um fu­zil AK-47 que es­ta­va em uma área de ma­ta, atrás de uma ga­ra­gem de ôni­bus.

Até o iní­cio da noi­te, o ba­lan­ço da ope­ra­ção era de 10 pre­sos, 19 fu­zis apre­en­di­dos, ao me­nos dois sus­pei­tos mor­tos e um ado­les­cen­te fe­ri­do por ba­la per­di­da.

Du­as es­co­las par­ti­cu­la­res que fi­cam no en­tor­no da Ro­ci­nha vão per­ma­ne­cer fe­cha­das ho­je. METRO RIO COM AGÊNCIA BRA­SIL

| JOSE LUCENA/FUTURA PRESS

Exér­ci­to per­ma­ne­ce ocu­pan­do a fa­ve­la da Ro­ci­nha

| JOSE LUCENA/FUTURA PRESS

Ema­nu­el Araú­jo foi pre­so em ca­sa

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.