FOR­ÇA SEM FRON­TEI­RAS

VOL­TA A BRASÍLIA, AGO­RA NA FUNARTE, ES­PE­TÁ­CU­LO QUE TRANS­FOR­MA TEXTOS DE CLARICE LISPECTOR EM DAN­ÇA

Metro Brazil (Brasilia) - - Portada - Www.metrojornal.com.br METRO BRASÍLIA

Com uma pro­pos­ta ou­sa­da de le­var a pro­fun­di­da­de de Clarice Lispector dos livros pa­ra co­re­o­gra­fi­as nos pal­cos, a com­pa­nhia bra­si­li­en­se Az­zoDan­ça al­can­çou enor­me su­ces­so no es­pe­tá­cu­lo “Clarice em mo­vi­men­tos” em sua tem­po­ra­da em abril, na Cai­xa Cul­tu­ral. Os elo­gi­os fo­ram tan­tos que o gru­po re­tor­na aos pal­cos em uma se­gun­da (e cur­ta) tem­po­ra­da – ho­je e ama­nhã, às 20h, e do­min­go, às 19h, na Funarte. As in­tei­ras cus­tam R$ 40.

Di­ri­gi­do e co­re­o­gra­fa­do por Ja­na Mar­ques, o es­pe­tá­cu­lo co­lo­ca, a exem­plo de Clarice, a mu­lher no cen­tro das aten­ções. Na pe­le de Lispector, a atriz e bai­la­ri­na Ju­a­na Mi­ran­da vai, além de dan­çar, re­ci­tar Clarice.

Com uma co­re­o­gra­fia con­tem­po­râ­nea em que o cor­po de 16 bai­la­ri­nos pa­re­ce exis­tir co­mo su­por­te pa­ra exal­tar ain­da mais as mu­lhe­res, o es­pe­tá­cu­lo não dei­xa as bai­la­ri­nas com pa­péis de­li­ca­dos. A co­re­o­gra­fia ex­plo­ra for­ça, im­pac­to e ex­ten­são cor­po­ral.

O es­pe­tá­cu­lo

A pe­ça es­tá di­vi­di­da em dois atos. O pri­mei­ro se de­di­ca à pri­mei­ra fa­se de es­cri­ta de Clarice, nas dé­ca­das de 1940 e 1950, em que a sub­mis­são da mu­lher pe­ran­te a so­ci­e­da- de era te­ma re­cor­ren­te – ob­je­tos do ce­ná­rio que imi­tam uma ca­sa têm for­te pre­sen­ça nes­ta eta­pa.

No se­gun­do ato, o fo­co fi­ca pa­ra três con­tos da escritora. “Quan­do co­me­cei a pes­qui­sar, vi que exis­tem mui­tos con­tos seus ain­da pou­co co­nhe­ci­dos. Fo­ram es­tes con­tos que quis tra­zer pa­ra a dan­ça, pa­ra os pal­cos”, diz Ja­na.

O pri­mei­ro é “On­de Es­ti­ves­tes de Noi­te”, do li­vro homô­ni­mo, que fa­la do ser an­dró­gi­no que des­fru­ta do se­xo.

Em sequên­cia ga­nham o pal­co dois con­tos do li­vro “A Via Crú­cis do Cor­po”: “O Ho­mem que Apa­re­ceu, Ele Me Be­beu” e “O Cor­po”, em que a dis­pu­ta en­tre o que as mu­lhe­res de­se­jam e o que a so­ci­e­da­de es­pe­ra de­las é o cen­tro das aten­ções.

| HUMERTO ARAÚ­JO/DI­VUL­GA­ÇÃO

Es­pe­tá­cu­lo co­lo­ca bai­la­ri­nas no fo­co da ação

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.