Su­as fé­ri­as ago­ra mu­da­ram

A no­va CLT al­te­ra as op­ções dos em­pre­ga­dos pa­ra o des­can­so re­mu­ne­ra­do a que to­dos têm di­rei­to. Con­fi­ra co­mo fi­cou

Metro Brazil (Campinas) - - Economia -

A mai­o­ria dos em­pre­ga­dos que es­tão ou já fo­ram re­gis­tra­dos pe­la CLT (Con­so­li­da­ção das Leis do Tra­ba­lho) pas­sou a vi­da pro­fis­si­o­nal in­tei­ra po­den­do go­zar uma ou du­as ve­zes fé­ri­as por ano. No ca­so de uma vez, to­dos os 30 di­as di­re­to. No ca­so de du­as ve­zes, com a op­ção de di­vi­dir as fé­ri­as em 20 di­as em uma de­las e 10 na ou­tra ou 15 di­as em ca­da vez. Is­so ago­ra mu­dou.

A re­for­ma tra­ba­lhis­ta, as­si­na­da pe­lo pre­si­den­te Mi­chel Te­mer em ju­lho des­te ano e que de­ve en­trar em vi­gor da­qui a dois me­ses, em no­vem­bro, al­te­rou di­ver­sos pon­tos im­por­tan­tes que afe­tam di­re­ta­men­te as fé­ri­as. O mais im­por­tan­te de­les é que, em vez de di­vi­di-las em dois pe­río­dos, ago­ra o em­pre­ga­do tem di­rei­to a di­vi­dir em até três pe­río­dos.

Por exem­plo: ele po­de­rá ti­rar 15 di­as em ja­nei­ro, 10 di­as em ju­lho e dei­xar os cin- co di­as res­tan­tes pa­ra uma se­ma­na qual­quer do ano, abrin­do a pos­si­bi­li­da­de de ser al­gu­ma se­ma­na an­tes ou de­pois de um fe­ri­a­dão, “es­ti­can­do”, as­sim, o pe­río­do de cin­co di­as. Mas aqui ca­be um de­ta­lhe im­por­tan­te: é pre­ci­so ne­go­ci­ar com o em­pre­ga­dor, é de­le a úl­ti­ma pa­la­vra so­bre os pe­río­dos de fé­ri­as de seus fun­ci­o­ná­ri­os.

O Me­tro Jor­nal con­sul­tou o ad­vo­ga­do Da­ni­lo Pi­e­ri Pe­rei­ra, do es­cri­tó­rio Ba­ral­di Mé­le­ga Ad­vo­ga­dos, em São Pau­lo, pa­ra es­cla­re­cer me­lhor co­mo fi­ca­ram as fé­ri­as do tra­ba­lha­dor bra­si­lei­ro após a re­for­ma.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.