Apa­ra­to de se­gu­ran­ça de au­di­ên­cia se­rá me­nor

Metro Brazil (Curitiba) - - BRASIL -

Com me­nos ex­pec­ta­ti­va de pú­bli­co pa­ra o se­gun­do de­poi­men­to de Lu­la em Curitiba, mar­ca­do pa­ra ama­nhã às 14h, a Sesp (Se­cre­ta­ria de Sgu­ran­ça Pú­bli­ca) do Pa­ra­ná es­ca­lou 700 po­li­ci­ais a me­nos pa­ra fa­zer a se­gu­ran­ça da au­di­ên­cia do que na pri­mei­ra vez, em maio des­te ano.

Pa­ra es­te pro­ces­so – em que Lu­la fa­la­rá so­bre a acu­sa­ção de ter re­ce­bi­do da Ode- bre­cht um ter­re­no de R$ 12,4 mi­lhões – ha­ve­rá mil PMs (Po­li­ci­ais Mi­li­ta­res) con­tra 1,7 mil do de­poi­men­to que tra­ta­va do trí­plex do Gu­rau­já.

Os agen­tes se di­vi­di­rão en­tre o pe­rí­me­tro da Ju­si­ça Fe­de­ral, on­de Lu­la e Mo­ro fi­ca­rão ca­ra a ca­ra, e aos pon­tos de con­cen­tra­ção os gru­pos pró e con­tra o pe­tis­ta.

Os apoi­a­do­res de Mo­ro vão re­pe­tir seu “re­du­to”: o Mu­seu Os­car Ni­e­meyer, a pou­co mais de um quilô­me­tro do pré­dio da Jus­ti­ça. Os or­ga­ni­za­do­res es­pe­ram pe­lo me­nos 500 pes­so­as.

“Es­pe­ra­mos mais [do que em maio]. Não só por­que as pes­so­as es­tão in­dig­na­das, mas por­que des­sa vez o Mo­ro não gra­vou ví­deo pe­din­do pa­ra o pes­so­al não vi­a­jar”, diz Nar­li Re­sen­de, or­ga­ni­za­do­ra dos atos pró-Mo­ro. Os ma­ni- fes­tan­tes se con­cen­tram no lo­cal a par­tir das 13h30.

A pre­sen­ça me­nor, no en­tan­to, se­rá dos apoi­a­do­res de Lu­la, que em maio acam­pa­ram em Curitiba e le­va­ram qua­se 10 mil pes­so­as a um ato com a pre­sen­ça do ex-pre­si­den­te. Des­ta vez são es­pe­ra­dos cer­ca de 50 ôni­bus, e o ato se con­cen­tra­rá na Pra­ça Ge­ne­ro­so Mar­ques, no cen­tro da ci­da­de.

| REPRODUÇÃO / JFPR

Ama­nhã no­vo en­con­tro en­tre Lu­la e Mo­ro es­tá mar­ca­do

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.