‘Qu­a­dri­lhão’. Ja­not de­nun­cia Lu­la e Dil­ma

Metro Brazil (Porto Alegre) - - Foco -

O pro­cu­ra­dor-ge­ral da Re­pú­bli­ca, Ro­dri­go Ja­not, de­nun­ci­ou on­tem ao STF (Su­pre­mo Tri­bu­nal Fe­de­ral) oi­to in­te­gran­tes ou ex-in­te­gran­tes da cú­pu­la do PT, a quem acu­sou de for­ma­ção de qua­dri­lha “pa­ra co­me­ti­men­to de uma mi­ría­de de de­li­tos, em es­pe­ci­al con­tra a ad­mi­nis­tra­ção pú­bli­ca em ge­ral”. Pa­ra o PGR, os cri­mes co­me­ça­ram em me­a­dos de 2002 (ain­da épo­ca da cam­pa­nha do ex-pre­si­den­te Luiz Iná­cio Lu­la da Sil­va pa­ra seu 1º man­da­to) até maio de 2016, quan­do o pro­ces­so de im­pe­a­ch­ment con­tra a ex-pre­si­den­te Dil­ma foi aber­to.

Fo­ram de­nun­ci­a­dos, além dos ex-pre­si­den­tes, os ex-mi­nis­tros An­to­nio Pa­loc­ci e Gui­do Man­te­ga, a se­na­do­ra e pre­si­den­te do par­ti­do Glei­si Hoff­mann, seu ma­ri­do e ex-se­na­dor Pau­lo Ber­nar­do, e os ex-te­sou­rei­ros João Vac­ca­ri Ne­to e Edi­nho Sil­va – atu­al pre­fei­to de Ara­ra­qua­ra (SP). O inqué­ri­to é co­nhe­ci­do com o do “qu­a­dri­lhão”.

Os pe­tis­tas são acu­sa­dos por Ja­not de “pro­mo­ver, cons­ti­tuir, fi­nan­ci­ar ou in­te­grar or­ga­ni­za­ção cri­mi­no­sa”.

Ca­be­rá ao mi­nis­tro Ed­son Fa­chin ava­li­ar a de­nún­cia. Ela foi en­vi­a­da ao Su­pre­mo por in­cluir uma de­nun­ci­a­da com fo­ro – a se­na­do­ra Glei­si.

O ad­vo­ga­do de Lu­la, Cris­ti­a­no Za­nin, cha­mou a de­nún­cia de “mais um exem­plo de mau uso das leis pa­ra per­se­guir o ex-pre­si­den­te Lu­la, que não pra­ti­cou qu­al­quer cri­me”.

| ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM/FOLHAPRESS

Lu­la e Dil­ma em even­to no mês pas­sa­do

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.