Co­mo é uma ses­são de acu­pun­tu­ra?

Metro Brazil (Santos) - - PET -

Nor­mal­men­te, o mé­di­co ve­te­ri­ná­rio acu­pun­tu­ris­ta faz uma in­ves­ti­ga­ção so­bre os pro­ble­mas do ani­mal lo­go na pri­mei­ra con­sul­ta. É a cha­ma­da anm­ne­se, que na­da mais é do que um ques­ti­o­ná­rio so­bre a saú­de do ani­mal, sua ro­ti­na, seu com­por­ta­men­to. De­pois des­sa fa­se, é fei­ta uma ava­li­a­ção do pul­so pe­la ar­té­ria fe­mo­ral (per­na do cão ou ga­to), pal­pa­ção de pon­tos nas cos­tas – a fim de iden­ti­fi­car al­te­ra­ções em de­ter­mi­na­dos ór­gãos ou te­ci­dos –, e ob­ser­va-se tam­bém a lín­gua do ani­mal.

Es­sas me­di­das ali­a­das ao his­tó­ri­co do pet aju­dam a de­fi­nir o pro­to­co­lo de tra­ta­men­to e a par­tir dis­so é pos­sí­vel dar iní­cio às ses­sões de acu­pun­tu­ra.

A pri­mei­ra ses­são cos­tu­ma ser a mais lon­ga e du­ra, ge­ral­men­te, uma ho­ra. As se­guin­tes cos­tu­mam ter du­ra­ção mé­dia de 40 mi­nu­tos.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.