Sai­ba mais

Na Cozinha com Edu Guedes - - PÃES DOCES -

Con­fi­ra di­cas im­por­tan­tes para evi­tar er­ros: Equi­va­lên­cia:

o fer­men­to bi­o­ló­gi­co se­co equi­va­le a 1/ 3 da quan­ti­da­de do fer­men­to bi­o­ló­gi­co fres­co. Se a re­cei­ta pe­de 30g de fer­men­to fres­co e vo­cê for usar o se­co, o cor­re­to é uti­li­zar 10g, por exem­plo.

já no­tou que re­cei­tas de pão sal­ga­do tam­bém usam um pou­co de açú­car? Is­so é por­que o fer­men­to bi­o­ló­gi­co é ati­va­do pe­lo açú­car. Por is­so, não se pre­o­cu­pe, se usar a quan­ti­da­de cor­re­ta, o pão não fi­ca­rá do­ce.

nun­ca co­lo­que o sal em con­ta­to di­re­to com o fer­men­to. Adi­ci­o­ne o sal jun­to com a fa­ri­nha.

aque­cer de­mais a água ou o lei­te que irá ati­var o fer­men­to é um er­ro. O lí­qui­do de­ve es­tar ape­nas le­ve­men­te mor­no. Se pas­sar de 40 º C, o pão não cres­ce pois o fer­men­to fi­ca com­pro­me­ti­do.

Açú­car: Sal: Ca­lor:

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.