Um to­que de pre­ven­ção

Ob­je­ti­vo é cons­ci­en­ti­zar ho­mens da im­por­tân­cia da pre­ven­ção e cui­da­dos com o câncer de prós­ta­ta e ou­tras do­en­ças

NOSSODIA - - Nossonegócio -

Com o ob­je­ti­vo de cons­ci­en­ti­zar os ho­mens so­bre a im­por­tân­cia de cui­dar da saú­de e re­a­li­zar exa­mes pre­ven­ti­vos re­gu­la­res, a Se­cre­ta­ria de Saú­de de Lon­dri­na deu iní­cio à cam­pa­nha No­vem­bro Azul. Du­ran­te to­do es­te mês, os pro­fis­si­o­nais da saú­de re­a­li­za­rão di­ver­sas ati­vi­da­des edu­ca­ti­vas com a co­mu­ni­da­de.

De acor­do com a co­or­de­na­do­ra de Saú­de do Adul­to da Se­cre­ta­ria Mu­ni­ci­pal de Saú­de, Juliana Mar­ques, es­tão pre­vis­tas vi­si­tas às em­pre­sas da área de abran­gên­cia das Uni­da­des Bá­si­cas de Saú­de, con­ver­sas so­bre a im­por­tân­cia da pre­ven­ção e os cui­da­dos com o câncer de prós­ta­ta e ou­tras do­en­ças que atin­gem os ho­mens, além da apre­sen­ta­ção dos ser­vi­ços ofer­ta­dos pe­la re­de mu­ni­ci­pal de saú­de e ou­tras ações edu­ca­ti­vas.

A in­ten­ção é cri­ar um vín­cu­lo en­tre o ho­mem e a Uni­da­de Bá­si­ca de Saú­de de seu bair­ro, pa­ra que ele pro­cu­re a re­de de saú­de pa­ra fa­zer a pre­ven­ção de do­en­ças e não ape­nas o tra­ta­men­to quan­do já es­ti­ver en­fer­mo. “A mu­lher faz o pre­ven­ti­vo de câncer de co­lo de úte­ro, exa­me clí­ni­co das ma­mas e o pré-na­tal. Mas os ho­mens não cos­tu­mam pro­cu­rar as uni­da­des pa­ra a pre­ven­ção. Eles vêm até a UBS, ge­ral­men­te, pa­ra tra­tar de do­en­ças. Qu­e­re­mos ofer­tar os ser­vi­ços a eles, mos­trar­mos a im­por­tân­cia do cui­da­do in­te­gral com a saú­de e cri­ar­mos um vín­cu­lo”, ex­pli­cou Mar­ques.

ACO­LHI­MEN­TO

Os pro­fis­si­o­nais de saú­de pre­ten­dem fa­zer o aco­lhi­men­to ao ho­mem ave­ri­guan­do não ape­nas os exa­mes ne­ces­sá­ri­os ao di­ag­nós­ti­co pre­co­ce e com­ba­te do câncer de prós­ta­ta, mas tam­bém a cons­ci­en­ti­za­ção so­bre a im­por­tân­cia de exa­mes re­gu­la­res, da va­ci­na­ção em dia, da prá­ti­ca de ati­vi­da­de fí­si­ca, da par­ti­ci­pa­ção nos gru­pos de ati­vi­da­des pa­ra con­tro­le do ta­ba­gis­mo, hi­per­ten­são, di­a­be­tes e alon­ga­men­to, en­tre ou­tros ser­vi­ços dis­po­ní­veis gra­tui­ta­men­te na re­de mu­ni­ci­pal de saú­de. Tam­bém es­ta­rão dis­po­ní­veis os tes­tes rá­pi­dos pa­ra as in­fec­ções se­xu­al­men­te trans­mis­sí­veis (sí­fi­lis, he­pa­ti­tes, HIV), além de va­ci­na­ção e dis­tri­bui­ção de fol­ders ex­pli­ca­ti­vos so­bre a saú­de do ho­mem.

Nas Uni­da­des Bá­si­cas de Saú­de, os ho­mens po­dem mar­car uma ava­li­a­ção mé­di­ca, atra­vés do agen­da­men­to ele­ti­vo, pa­ra a re­a­li­za­ção do exa­me PSA (An­tí­ge­no Pros­tá­ti­co Es­pe­cí­fi­co), que é um exa­me de san­gue usa­do co­mo fer­ra­men­ta pa­ra o di­ag­nós­ti­co da pre­sen­ça de câncer de prós­ta­ta.

LE­VAN­TA­MEN­TO

De acor­do com os da­dos do Cen­tro­lab (La­bo­ra­tó­rio de Aná­li­ses Clí­ni­cas Mu­ni­ci­pal de Lon­dri­na), de ja­nei­ro de 2017 até o mo­men­to, 18.315 exa­mes de An­tí­ge­no Pros­tá­ti­co Es­pe­cí­fi­co fo­ram re­a­li­za­dos. Em 2016, o mon­tan­te foi de qua­se 22 mil exa­mes, sen­do apro­xi­ma­da­men­te 2 mil fo­ram du­ran­te o mês de no­vem­bro. Já em 2015, fo­ram re­a­li­za­dos, ao to­do, 15.333 PSA, sen­do so­men­te em no­vem­bro 1.778.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.