Fim de cra­te­ra de­pen­de de li­ci­ta­ção

Mu­ni­cí­pio pre­vê obra para re­com­po­si­ção de ga­le­ri­as plu­vi­ais e exe­cu­ção de con­ten­ção em re­ma­nes­cen­te da zo­na oes­te

NOSSODIA - - Primeira Página - (Pau­lo Mon­tei­ro/ NOSSODIA)

A cra­te­ra que co­lo­cou em ris­co os mo­ra­do­res do Jar­dim San­ta Ri­ta, na re­gião da nas­cen­te do ri­bei­rão Qu­a­ti, foi par­ci­al­men­te co­ber­ta após uma me­di­da emer­gen­ci­al. A si­tu­a­ção atu­al é mais se­gu­ra, po­rém insuficiente para a so­lu­ção das ero­sões no lo­cal. De acor­do com a Se­cre­ta­ria Mu­ni­ci­pal de Obras, exis­te um pro­je­to (ain­da sem da­ta para ser exe­cu­ta­do) para re­com­po­si­ção de re­de de ga­le­ri­as plu­vi­ais, que es­tá em pro­ces­so de li­ci­ta­ção, que pre­vê so­lu­ção de­fi­ni­ti­va para o pro­ble­ma. Pe­lo pro­je­to, além da re­com­po­si­ção da re­de de ga­le­ri­as plu­vi­ais, se­rá re­a­li­za­do a obra de con­ten­ção no re­ma­nes­cen­te do lo­te 342 da Gle­ba Ja­cu­tin­ga, Jar­dim Le­o­nor (bair­ro vi­zi­nho).

“Es­sa obra é para a exe­cu­ção des­te pro­je­to. O pro­ces­so de li­ci­ta­ção es­tá ca­mi­nhan­do. Es­tá com pedido de re­cur­so pen­den­te de aná­li­se jun­to à Se­cre­ta­ria de Obras. Te­mos que aguar­dar a fi­na­li­za­ção do pro­ces­so li­ci­ta­tó­rio, para a ex­pe­di­ção de Or­dem de Ser­vi­ço para o iní­cio da obra. Aqui­lo (co­ber­tu­ra par­ci­al da cra­te­ra) foi uma so­lu­ção emer­gen­ci­al, uma me­di­da pa­li­a­ti­va. A so­lu­ção ade­qua­da ocor­re­rá com a exe­cu­ção des­sa obra”, ex­pli­cou o secretário mu­ni­ci­pal de Obras, João Ver­ço­sa.

Se­gun­do o lí­der co­mu­ni­tá­rio do Jar­dim San­ta Ri­ta, Pau­lo Ro­dri­gues, com as for­tes chu­vas a terra e as pe­dras usa­das para con­ter a cra­te­ra são re­mo­vi­das. “Há pe­los me­nos qua­tro me­ses a obra es­tá pa­ra­li­sa­da. Nin­guém apa­re­ce da Pre­fei­tu­ra por aqui”, diz ele,que­te­me­que­aá­rea se­ja ain­da mais des­truí­da. “Aqui exis­te a nas­cen­te do ri­bei­rão Qu­a­ti, es­pa­ço que exi­ge mui­ta aten­ção para evi­tar que o ma­nan­ci­al se­ja ain­da mais pre­ju­di­ca­do”, aler­ta Ro­dri­gues. “Co­mo a obra es­tá pa­ra­li­sa­da há me­ses, as me­lho­ri­as já não es­tão su­por­tan­do o avan­ço das ero­sões. En­quan­to a Pre­fei­tu­ra não apa­re­ce, as pe­dras e por­ções de terra se des­lo­cam mor­ro abai­xo. A cra­te­ra co­me­ça no­va­men­te a se for­mar”, re­for­ça.

Fotos: Pau­lo Mon­tei­ro

Cra­te­ra é mui­to gran­de e ame­a­ça en­go­lir tu­do ao re­dor

Se­gun­do lí­der co­mu­ni­tá­rio da zo­na oes­te de Lon­dri­na, a Pre­fei­tu­ra não com­pa­re­ce no lo­cal há qua­tro me­ses

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.