Re­des

Ca­das­tre-se: (84) 99113-3526

Novo Jornal - - Sr. Leitor -

Pu­bli­ca­ção das his­tó­ri­as que os nos­sos lei­to­res en­vi­am atra­vés do @No­voJor­nalRN

Lim­pe­za da Ur­ba­na

Cláu­dio Por­pi­no, pre­si­den­te da Ur­ba­na, en­trou em con­ta­to atra­vés do NOVOWhats pa­ra in­for­mar que a Rua Al­te­ro­sa, no bair­ro Ca­pim Ma­cio, ha­via si­do lim­pa, a par­tir da de­man­da apre­sen­ta­da por uma lei­to­ra na edi­to­ria Sr. Lei­tor no dia 06 de se­tem­bro de 2017. Con­for­me ex­pli­ca­va a ma­té­ria, os mo­ra­do­res de­po­si­ta­vam to­do ti­po de li­xo, en­tu­lho, res­to de por­tas e até mó­veis em boa par­te do can­tei­ro da Rua Al­te­ro­sa, em di­re­ção ao Con­jun­to Pi­ran­gi. Por cau­sa dis­so, Cláu­dio Por­pi­no res­sal­ta que a Ur­ba­na re­a­li­zou o ser­vi­ço de lim­pe­za no lo­cal, mas é im­por­tan­te que, de ago­ra em di­an­te, os mo­ra­do­res evi­tem o des­car­te ir­re­gu­lar dos ma­te­ri­ais. O NO­VO agra­de­ce o re­tor­no dos ór­gãos com­pe­ten­tes e se ale­gra em sa­ber que, de al­gu­ma for­ma, pô­de co­la­bo­rar com a si­tu­a­ção.

Jo­ga­dor Dal­ber­to e ABC se acer­tam

Tra­ba­lhar de gra­ça em tro­ca “de pos­sí­vel fa­ma” não dá. A pes­soa faz co­mo pa­ra co­mer? O clu­be, co­mo em­pre­ga­dor que é, de­ve no mí­ni­mo pa­gar seus jo­ga­do­res. Ele não es­tá er­ra­do de não que­rer tra­ba­lhar de gra­ça. Que o ABC cum­pra a sua par­te. Lu­ci­e­ne Fer­rei­ra Via Ins­ta­gram

BBB da mul­ta 1

A ga­le­ra re­cla­ma das câ­me­ras, das mul­tas, mas bas­ta di­ri­gir di­rei­to que não tem pu­ni­ção. Usar cin­to de se­gu­ran­ça, não di­ri­gir usan­do o te­le­fo­ne, não jo­gar li­xo na rua e dar a se­ta ao en­trar em ru­as e mu­dar de fai­xas. É pra­ti­ca­men­te uma cam­pa­nha edu­ca­ti­va! Mi­nha úni­ca re­cla­ma­ção é quan­do tem par­dal em um si­nal e não tem pla­ca in­for­man­do “fis­ca­li­za­ção ele­trô­ni­ca”, o que não é o ca­so do vi­de­o­mo­ni­to­ra­men­to. Ra­fa­el Ale­xan­dre Via Fa­ce­bo­ok

BBB da mul­ta 2

O de jo­gar o li­xo pe­la ja­ne­la do car­ro es­tá de pa­ra­béns. É pa­ra se mul­tar mes­mo. A rua, um es­pa­ço pú­bli­co, não é li­xei­ra pa­ra se jo­gar li­xo no chão e dei­xar a cidade su­ja, cheia de in­se­tos, os quais, em sua mai­o­ria, são ve­to­res de do­en­ças. Ra­fa­el Me­dei­ros Via Fa­ce­bo­ok

Dre­na­gem das ru­as de La­goa No­va

Re­al­men­te é um ca­so mui­to sé­rio es­se que os mo­ra­do­res das Ru­as Car­naú­bas dos Dan­tas e Lu­cre­cia, no bair­ro de La­goa No­va, vêm vi­ven­do du­ran­te mui­tos anos. E, de­pois das obras des­sa ben­di­ta co­pa, só pi­o­rou. As pro­mes­sas de me­lho­ri­as con­ti­nu­am e na­da tem si­do fei­to. Acre­di­to que, se es­ses pro­ble­mas fos­sem nas ru­as dos ges­to­res, já ti­nham si­do re­sol­vi­dos, co­mo foi re­sol­vi­do o pro­ble­ma na rua da an­ti­ga pre­fei­ta de Na­tal, no bair­ro de Can­de­lá­ria. Ari­ta­na Su­as­su­na Cor­ci­no Via Ins­ta­gram

Ca­das­tre-se:

Vo­cê já co­nhe­ce o NO­VO-Whats? Ele é uma fer­ra­men­ta rá­pi­da e efi­ci­en­te no re­ce­bi­men­to e en­vio de in­for­ma­ções. Atra­vés de­le, vo­cê tem aces­so a três bo­le­tins de no­tí­ci­as com os des­ta­ques do mo­men­to, tan­to do Bra­sil qu­an­to do mundo. Além dis­so, vo­cê tam­bém tem a sua dis­po­si­ção um ca­nal rá­pi­do pa­ra fa­zer de­nún­ci­as, su­ge­rir pau­tas e mui­to mais.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.