Após der­ru­bar tre­cho do cal­ça­dão, mar traz “ma­ré de pe­dras” a Pon­ta Ne­gra

Aguar­da li­be­ra­ção de re­cur­sos pe­lo Mi­nis­té­rio da In­te­gra­ção Na­ci­o­nal, diz se­cre­tá­rio

Novo Jornal - - Primeira Página - Ro­dri­go Zu­za Do NO­VO

Ama­ré al­ta na ma­dru­ga­da des­te úl­ti­mo do­min­go (8) acen­tou a des­trui­ção do cal­ça­dão na praia de Pon­ta Ne­gra. As for­tes on­das der­ru­ba­ram co­quei­ros e ar­ras­ta­ram pa­ra a praia par­te da tu­bu­la­ção de es­go­tos de águas plu­vi­ais, além de pe­dras e sa­cos de areia uti­li­za­dos pa­ra a con­ten­ção da en­cos­ta, que fa­zem a pro­te­ção da es­tru­tu­ra.

O NO­VO con­ta­tou a Se­cre­ta­ria Mu­ni­ci­pal de Obras e In­fra­es­tru­tu­ra do Natal (Se­mov) aten­den­do a de­man­da dos lei­to­res so­bre a obra de re­or­de­na­men­to do cal­ça­dão de Pon­ta Ne­gra. Ao lon­go de to­da a praia tam­bém apa­re­ce­ram pe­dras di­fi­cul­tan­do a ca­mi­nha­da de ba­nhis­tas.

A Se­cre­ta­ria de Obras es­cla­re­ceu que a des­trui­ção do cal­ça­dão e en­ro­ca­men­to de pe­dras da en­cos­ta de Pon­ta Ne­gra co­me­çou há cer­ca de qu­a­ren­ta di­as, qu­an­do uma tu­bu­la­ção da Ca­ern es­tou­rou. A ma­ré al­ta do mês de ou­tu­bro ape­nas in­ten­si­fi­cou a ero­são.

Se­gun­do a Se­mov, em 2016 foi fei­to um es­tu­do pa­ra pro­lon­gar o en­ro­ca­men­to em Pon­ta Ne­gra, em cer­ca de mais dois quilô­me­tros em direção à Via Cos­tei­ra, pa­ra re­sol­ver o pro­ble­ma da ero­são na­que­la área cos­tei­ra. De acor­do com o se­cre­tá­rio To­maz Ne­to, es­sa obra es­tá pa­ra­da aguar­dan­do a li­be­ra­ção dos re­cur­sos do Mi­nis­té­rio da In­te­gra­ção Na­ci­o­nal.

O ti­tu­lar da pas­ta afir­mou que en­tre os di­as 17 e 18 des­te mês ha­ve­rá uma reu­nião na se­de do Mi­nis­té­rio da In­te­gra­ção, em Bra­sí­lia, pa­ra tra­tar da li­be­ra­ção de R$ 17 mi­lhões pa­ra a re­a­li­za­ção da obra.

To­maz Ne­to afir­mou que só da­rá en­tra­da em um pro­ces­so li­ci­ta­tó­rio pa­ra iní­cio do pro­lon­ga­men­to e re­cu­pe­ra­ção do en­ro­ca­men­to de pe­dras em Pon­ta Ne­gra, qu­an­do o Mi­nis­té­rio da In­te­gra­ção au­to­ri­zar o uso dos 17 mi­lhões des­ti­na­dos ao ser­vi­ço. “Não pos­so co­me­çar a obra sem ter cer­te­za dos re­cur­sos pa­ra fi­na­li­zá-la”, re­la­tou. Ain­da de acor­do com o se­cre­tá­rio, a Ca­ern vai di­vi­dir a res­pon­sa­bi­li­da­de no ser­vi­ço com a Se­mov.

LADEIRAS

No dia 1º do mês pas­sa­do, o NO­VO pu­bli­cou nes­te es­pa­ço do Se­nhor Leitor, a re­cla­ma­ção do es­tu­dan­te de tu­ris­mo Edu­ar­do Man­fri­ni, que de­nun­ci­ou o pés­si­mo es­ta­do de con­ser­va­ção das es­ca­da­ri­as e ladeiras que dão aces­so ao Cal­ça­dão de Pon­ta Ne­gra e à praia.

O es­tu­dan­te, que é mo­ra­dor do bair­ro, en­vi­ou fo­tos de um des­ses lo­cais. O de­nun­ci­an­te re­la­tou que pe­dras do cal­ça­men­to das ladeiras es­tão sol­tas e os de­graus das es­ca­das, da­ni­fi­ca­dos.Na opor­tu­ni­da­de, a Se­mov dis­se que tem um pro­je­to pa­ra re­cu­pe­ra­ção das ladeiras e tre­chos do cal­ça­dão da­ni­fi­ca­dos mas que não ha­via pre­vi­são pa­ra a exe­cu­ção des­sas obras.

A es­ca­da fo­to­gra­fa­da pe­lo es­tu­dan­te foi a con­ti­nu­a­ção da Rua Manoel So­a­res Me­dei­ros. Foi o pro­lon­ga­men­to des­ta rua, que a ma­ré des­truiu a en­cos­ta e par­te do cal­ça­dão. O lo­cal é um mi­ran­te pa­ra fre­quen­ta­do­res da praia.

FRANKIE MARCONE / NO­VO

FO­TOS: FRANKIE MARCONE / NO­VO

// Par­te do cal­ça­dão foi des­truí­do pe­la ma­ré al­ta no fi­nal de se­ma­na

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.