BRAZUCAS AGITAM ROCK IN RIO

Crí­ti­cas a po­lí­ti­cos mar­ca­ram al­gu­mas apre­sen­ta­ções. Brin­des dis­tri­buí­dos e brin­que­dos, ape­sar das fi­las, fi­ze­ram a fes­ta do pú­bli­co

O Dia - - FRONT PAGE - Re­por­ta­gem de Bru­na Con­di­ni, Gabriel So­brei­ra e Ri­car­do Schott.

No se­gun­do dia do fes­ti­val, shows do Skank, que abriu o Pal­co Mun­do, da Blitz e de Elza Soares com o rap­per Ra­el, no Pal­co Sun­set, em­pol­ga­ram a pla­teia. Crí­ti­cas po­lí­ti­cas mar­ca­ram al­gu­mas apre­sen­ta­ções.

Os bra­si­lei­ros agi­ta­ram e em­pol­ga­ram no se­gun­do dia do Rock in Rio tan­to no pal­co Sun Set qu­an­to no Mun­do. A Blitz, que co­me­mo­ra 35 anos, te­ve co­mo par­cei­ros Ali­ce Caym­mi e Da­vi Mo­ra­es. Em se­gui­da Ra­el can­tou ao la­do de Elza Soares, emo­ci­o­nan­do e le­van­do o pú­bli­co ao de­lí­rio ao in­ter­pre­tar ‘A mu­lher do fim do mun­do’. Evan­dro Mes­qui­ta fez a pla­teia gri­tar ao cri­ti­car o pre­si­den­te Te­mer, por con­ta de de­cre­to que ex­tin­gui­ria re­ser­va na Amazô­nia, em prol da ex­plo­ra­ção mi­ne­ral. A ban­da en­cer­rou ao som de “Vo­cê não sou­be me amar”. Já no pal­co Mun­do, os mi­nei­ros do Skank em­pol­ga­ram ao le­var a can­ção In­dig­na­ção e cri­ti­car os po­lí­ti­cos. “Rock in Rio in­dig­na­do!”, bra­dou vá­ri­as ve­zes Sa­mu­el Ro­sa.

Mas nem só de mú­si­ca se faz fes­ti­val. En­tre uma apre­sen­ta­ção e ou­tra, os par­ti­ci­pan­tes fi­ca­ram de olho em brin­des e ações gra­tui­tas na Ci­da­de do Rock.Os brin­des mais con­cor­ri­dos eram os co­pos do Itaú. Ou­tra sen­sa­ção foi a ta­tu­a­gem tem­po­rá­ria fei­ta com ba­tom Su­per Stay 24 Co­lor no stand May­bel­li­ne, que só sai 24 ho­ras de­pois.

Mui­tas ho­ras de di­ver­são fi­ze­ram o pú­bli­co se pre­ca­ver. O pro­fes­sor Igor Cas­si­a­no e o ami­go Hen­ri­que Ta­va­res in­ves­ti­ram em ali­men­tos pa­ra não gas­tar tan­to di­nhei­ro.

Os brin­que­dos fo­ram su­ces­so ga­ran­ti­do. Tan­to que o agen­da­men­to pa­ra a ti­ro­le­sa en­cer­rou em me­nos de uma ho­ra após a aber­tu­ra dos por­tões. A fi­la da Ro­da Gi­gan­te era gran­de, mas an­da­va rá­pi­do. Na mon­ta­nha -rus­sa tam­bém ha­via fi­la, mas mui­tos não se im­por­ta­vam em es­pe­rar.

Na pri­mei­ra noi­te, na sex­ta, após o show de Ive­te San­ga­lo, vi­e­ram os Pet Shop

Boys com show que pa­re­cia co­nec­ta­do com o es­pí­ri­to di­ver­so da pla­teia, mais des­co­nec­ta­do do cli­ma do fes­ti­val. Neil Ten­nant e Ch­ris Lowe de­mo­ra­ram a en­gre­nar. Em­pol­ga­ram mais no fi­nal, com ‘It’s a sin’, ‘Left to my own de­vi­ces’, ‘Do­mi­no dan­cing’ e a re­lei­tu­ra do hit de El­vis Pres­ley, ‘Always on my mind’. A du­pla res­ga­tou ‘Se A Vi­da É’, gra­va­da com o Olo­dum, e agra­de­ceu ao Bra­sil “pe­la

mú­si­ca que vo­cês nos de­ram Ao subs­ti­tuir Lady Ga­ga, o Ma­ro­on 5 aca­bou ten­do uma gran­de noi­te com uma tur­ma nu­me­ro­sa e can­tan­do jun­to hits co­mo ‘Mo­ves Li­ke Jag­ger’, ‘Ani­mals’, ‘This Lo­ve’, ‘Har­der To Bre­athe’. Hou­ve expectativa so­bre se a ban­da iria to­car al­gum hit de Lady Ga­ga, o que não acon­te­ceu.

DI­VUL­GA­ÇãO / ROCK IN RIO

O vo­ca­lis­ta Sa­mu­el Ro­sa, do Skank, le­van­tou o pú­bli­co com gri­tar vá­ri­as ve­zes: “Rock in Rio in­dig­na­do!

GABRIEL SO­BREI­RA

A ta­gua­gem de ba­tom foi des­ta­que en­tre as me­ni­nas no Rock in Rio

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.