Em­pre­sas re­ce­be­ram pro­pi­na

O Dia - - RIO DE JANEIRO -

N Lí­der do go­ver­no na Alerj, pre­si­den­te da Co­mis­são de Cons­ti­tui­ção e Jus­ti­ça e te­sou­rei­ro do PMDB, Éd­son Al­be­ras­si, co­me­çou a car­rei­ra po­lí­ti­ca co­mo ve­re­a­dor em Vol­ta Re­don­da, no fi­nal da dé­ca­da de 90. É acu­sa­do de re­ce­ber R$ 60 mil, por mês, do es­que­ma de cor­rup­ção da Fe­trans­por.

A in­di­ca­ção pa­ra as­su­mir va­ga dei­xa­da por Jo­nas Lo­pes no Tri­bu­nal de Con­tas do Es­ta­do foi o es­to­pim pa­ra a de­fla­gra­ção da Ope­ra­ção Ca­deia Ve­lha. Os in­ves­ti­ga­do­res sus­pei­ta­ram de­que­a­ma­no­bra era pa­ra con­se­guir fo­ro pri­vi­le­gi­a­do no Su­pe­ri­or Tri­bu­nal de Jus­ti­ça ( STJ). De­pois de cos­tu­rar a re­nún­cia dos au­di­to­res do TCE, on­tem ele abriu mão de ser chan­ce­la­do pa­ra o car­go.

De acor­do com o Mi­nis­té­rio Pú­bli­co Fe­de­ral, a mu­lher de Al­ber­tas­si, Ali­ce Bri­zo­la Al­ber­tas­si, é só­cia da V. P. D. Em­pre­sa de Ra­di­o­fu­são Lt­da, Rá­dio Ener­gia Lt­da, Rá­dio Zé Lt­da, Rá­dio Di­fu­so­ra Bo­as No­vas Lt­da, As­so­ci­a­ção No­va Ali­an­ça e Pho­no­mu­sic Áu­dio Vi­su­al e Ser­vi­ços de So­no­ri­za­ção. As rá­di­os te­ri­am re­ce­bi­do R$ 644 mil co­mo cai­xa de pro­pi­na da Fe­trans­por.

Em 2015, Ada­mas­tor Pe­rei­ra Bar­ros, que é pre­si­den­te da As­so­ci­a­ção, sa­cou mais de R$ 340 mil em 2015 e R$ 718 mil, em 2016. A en­ti­da­de re­ce­beu do es­ta­do de 2002 até 2017, R$ 27.743.491,11. No pe­río­do da pre­si­dên­cia de Ali­ce, re­ce­beu R$ 10,5 mi­lhões. Cons­ta que An­dré Al­mei­da, que tam­bém exer­ceu a pre­si­dên­cia, foi for­ne­ce­dor e do­a­dor da cam­pa­nha de Al­ber­tas­si em 2010. O de­pu­ta­do tem 68 car­gos na Alerj, com sa­lá­ri­os que vão de R$ 983 a R$ 30.471 mil.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.