Jo­go de al­to ris­co pa­ra o Fla

Tro­pe­ço con­tra o Co­xa au­men­ta­rá pres­são so­bre o ti­me, que po­de­rá sair do G-7

O Dia - - ATAQUE -

OF­la­men­go che­ga ao 122º ani­ver­sá­rio, ho­je, sem mui­to a co­me­mo­rar. A tem­po­ra­da, ape­sar do tí­tu­lo ca­ri­o­ca, por en­quan­to, tem chei­ri­nho de de­cep­ção e sa­bor de an­gús­tia. Ama­nhã, con­tra o Co­ri­ti­ba, um tro­pe­ço co­lo­ca em ris­co a per­ma­nên­cia do Ru­bro-Ne­gro no G-7 e au­men­ta a pres­são so­bre o de­par­ta­men­to de fu­te­bol. Fi­car fo­ra da Li­ber­ta­do­res de 2018 po­de ter efei­to de­vas­ta­dor no pro­je­to em cur­so. Se o cal­do aze­dar no Bra­si­lei­ro, ape­nas o tí­tu­lo da Sul-Ame­ri­ca­na sal­va­ria o ano.

Rei­nal­do Ru­e­da, que on­tem com­ple­tou três me­ses à fren­te do ti­me, che­gou com a mis­são de de­vol­ver ao clu­be pro­ta­go­nis­mo no ce­ná­rio in­ter­na­ci­o­nal. A pa­ci­ên­cia de par­te da di­re­to­ria com o trei­na­dor, atu­al cam­peão da Li­ber­ta­do­res, no en­tan­to, an­da mais cur­ta do que ima­gi­na- va-se que se­ria. As co­bran­ças res­pin­gam no di­re­tor de fu­te­bol, Ro­dri­go Ca­e­ta­no, e no di­re­tor-ge­ral, Fred Luz.

O pro­ces­so de fri­tu­ra, ain­da no iní­cio, é se­me­lhan­te ao so­fri­do por Zé Ri­car­do. A qu­em pres­si­o­na, o mé­to­do ser­ve pa­ra des­cons­truir a te­se dos opo­si­ci­o­nis­tas de que, no atu­al Fla­men­go, a der­ro­ta não in­co­mo­da. Mas pa­ra qu­em sen­te a cha­pa es­quen­tar, o fo­go-ami­go soa co­mo trans­fe­rên­cia de res­pon­sa­bi­li­da­de. A tor­ci­da es­tá com a cor­ne­ta li­ga­da, prin­ci­pal­men­te nas re­des so­ci­ais.

“Qu­em jo­ga no Fla­men­go tem que es­tar acos­tu­ma­do com es­se ti­po de si­tu­a­ção. O tor­ce­dor es­tá no di­rei­to de­le de fa­zer um pro­tes­to pa­cí­fi­co. Cla­ro que eles não es­tão sa­tis­fei­tos e nem a gen­te. São eles que vão ao jo­go e gri­tam. Do mes­mo jei­to que são eles que vão fa­zer o pro­tes­to, tam­bém qu­e­re­mos que eles es­te­jam na Ilha e no jo­go da Sul-Ame­ri­ca­na”, dis­se Di­e­go Al­ves.

Con­tra o Co­xa, Ru­e­da de­ve ter o re­tor­no de Ju­an no lu­gar de Ra­fa­el Vaz. Há a pos­si­bi­li­da­de de Di­e­go fi­car no ban­co. Vai de­pen­der de co­mo ele se re­a­pre­sen­ta­rá, ama­nhã de ma­nhã, após amis­to­so da Se­le­ção, on­tem, na In­gla­ter­ra.

GILVAN DE SOU­ZA/FLA­MEN­GO

O go­lei­ro Di­e­go Al­ves vê a co­bran­ça da tor­ci­da ru­bro-ne­gra co­mo al­go nor­mal no Fla­men­go

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.