Sis­te­ma é al­vo de re­cla­ma­ção

O Diario do Norte do Parana - - CIDADES - Mu­ri­lo Gat­ti

mgat­ti@odi­a­rio.com Depois de ter pa­go du­as ve­zes o mes­mo car­nê do Im­pos­to Pre­di­al e Ter­ri­to­ri­al Ur­ba­no (IPTU) de um imó­vel em Ma­rin­gá, o pro­fes­sor de Eco­no­mia da Uni­ver­si­da­de Es­ta­du­al de Ma­rin­gá (UEM), Joil­son Di­as, te­ve que com­pro­var a du­pli­ci­da­de da qui­ta­ção pa­ra re­a­ver o di­nhei­ro cre­di­ta- do a mais nas contas da pre­fei­tu­ra.

A re­cla­ma­ção de Di­as é que, ao ten­tar con­fir­mar o pa­ga­men­to em do­bro do im­pos­to no ca­das­tro do mu­ni­cí­pio, ele não en­con­trou ne­nhu­ma in­for­ma- ção a res­pei­to.

O pro­fes­sor uni­ver­si­tá­rio re­co­nhe­ce que er­rou ao co­lo­car o im­pos­to em dé­bi­to au­to­má­ti­co du­as ve­zes, em du­as diferentes contas, mas ava­lia que o ser­vi­ço de­ve­ria ser me­lho­ra­do e ter mais trans­pa­rên­cia.

“O ca­das­tro de­ve­ria ter mais trans­pa­rên­cia e con­ter to­das as in­for­ma­ções so­bre o que pa­gou, quais fo­ram os ju­ros e as mul­tas co­bra­das. Ti­nha que ha­ver a pos­si­bi­li­da­de de ter aces­so a um ex­tra­to do imó­vel”, ava­lia.

Sem o re­cur­so, Di­as afir­ma que foi obri­ga­do a en­trar na “fi­la da bu­ro­cra­cia”. “Ti­ve que cum­prir to­dos os re­qui­si­tos bu­ro­crá­ti­cos pa­ra re­a­ver um di­nhei­ro que de­ve­ria es­tar re­gis­tra­do no ca­das­tro do imó­vel. É pre­ci­so al­te­rar es­se ser­vi­ço pa­ra dei­xar a lei mais trans­pa­ren­te”, con­si­de­ra.

A Pre­fei­tu­ra de Ma­rin­gá in­for­mou que a so­li­ci­ta­ção de Di­as foi aten­di­da e o di­nhei­ro pa­go a mais vai ser de­vol­vi­do pe­lo mu­ni­cí­pio.

Em re­la­ção à pos­si­bi­li­da­de de aces­so a um ex­tra­to de to­dos os va­lo­res pa­gos de im­pos­to so­bre um imó­vel, a ad­mi­nis­tra­ção mu­ni­ci­pal dis­se que o ci­da­dão tem aces­so às in­for­ma­ções so­bre os dé­bi­tos pen­den­tes e que es­se pro­ce­di­men­to se­gue o mes­mo pa­drão de ou­tros ser­vi­ços pú­bli­cos.

Além dis­so, a pre­fei­tu­ra in­for­ma que não tem co­mo im­pe­dir que um con­tri­buin­te im­pri­ma mais de um bo­le­to pa­ra pa­ga­men­to do im­pos­to e, que a ca­da im­pres­são, é ge­ra­do um no­vo có­di­go de bar­ras, in­vi­a­bi­li­zan­do qual­quer me­ca­nis­mo pa­ra bar­rar o pa­ga­men­to em do­bro. Ain­da se­gun­do a pre­fei­tu­ra, são mui­to ra­ros os ca­sos de pa­ga­men­to em du­pli­ci­da­de, mas quan­do is­to acon­te­ce o con­tri­buin­te é res­sar­ci­do as­sim que com­pro­var que pa­gou do­bra­do. Pa­ra is­to, tem que fa­zer o pro­to­co­lo na Pra­ça de Aten­di­men­to e so­li­ci­tar o res­sar­ci­men­to.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.