Guin­ga con­fes­sa com­ple­xo

O Diario do Norte do Parana - - O DIÁRIO DO NORTE DO PARANÁ -

Uma das re­ve­la­ções do En­tre­sons é a de que o com­po­si­tor e vi­o­lo­nis­ta Car­los Althi­er de Sou­za Lemos Es­co­bar, o Guin­ga, tem com­ple­xo de in­fe­ri­o­ri­da­de. O pró­prio Guin­ga é qu­em faz a re­ve­la­ção. Ape­sar de já ter re­ce­bi­do vá­ri­os prê­mi­os por sua obra, Guin­ga, con­si­de­ra­do um gê­nio por gen­te co­mo Chi­co Bu­ar­que e João Bos­co, é um dos pou­cos que ain­da pre­fe­rem a hu­mil­da­de à so­ber­ba. Na re­por­ta­gem, o mú­si­co con­fes­sa que se sen­te mal quan­do não con­se­gue pas­sar a emo­ção que de­se­ja por meio da mú­si­ca.“Acre­di­to no que fa­ço, mas nem sem­pre me sin­to com a au­to­es­ti­ma le­gal.”

Ou­tra ra­ri­da­de que o si­te traz é uma re­por­ta­gem iné­di­ta com o Raul de Sou­za, con­si­de­ra­do o em­bai­xa­dor do trom­bo­ne bra­si- lei­ro, na qual o mú­si­co fa­la so­bre o no­vo DVD “O Uni­ver­so Mu­si­cal de Raul de Sou­za” e re­lem­bra seu en­vol­vi­men­to com a ma­co­nha. “Mi­nha mu­lher leu e não gos­tou mui­to”, con­fes­sa o mú­si­co em en­tre­vis­ta ao Diá­rio.

Quan­do qu­es­ti­o­na­do se o seu re­co­nhe­ci­men­to te­ria o mes­mo pe­so se co­me­ças­se a car­rei­ra nos di­as atu­ais, Raul não te­ve dúvida em res­pon­der que sim. “Per­fei­ta­men­te, mas se­ria mais fá­cil. Na épo­ca em que co­me­cei a cons­truir car­rei­ra, saí do País com uma mão na fren­te e ou­tra atrás, mui­to re­vol­ta­do e tris­te. Nin­guém com­pre­en­dia a mú­si­ca ins­tru­men­tal. Ho­je, es­tá to­do mun­do en­vol­vi­do, a mú­si­ca ga­nhou mais va­lor.”

Raul con­si­de­ra a dis­se­mi­na- ção da mú­si­ca ins­tru­men­tal na re­de um dos prin­ci­pais mo­ti­vos pe­los quais o nú­me­ro de apre­ci­a­do­res tem au­men­ta­do. “An­tes, tí­nha­mos que ir pa­ra lá [EUA]. Ago­ra, são os ame­ri­ca­nos que vêm pa­ra cá. A internet pos­si­bi­li­tou es­sa mu­dan­ça.”

Vi­ní­cius Pe­rei­ra, con­tra­bai­xis­ta e lí­der do Mo­vi­men­to Ele­fan­tes, co­le­ti­vo que reú­ne 14 big bands em São Pau­lo, tam­bém acre­di­ta no poder da re­de. Ele con­si­de­ra que a ar­te es­tá per­den­do es­pa­ço pa­ra o entretenimento nas gran­des mí­di­as e que ini­ci­a­ti­vas co­mo a de Mar­zo­chi são fun­da­men­tais pa­ra no­vas ban­das. “É ne­ces­sá­rio ter pes­so­as que se pre­o­cu­pam em di­vul­gar es­te es­ti­lo que es­tá ca­ren­te de pú­bli­co.”

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.