Poupança ba­te re­cor­de his­tó­ri­co

O Diario do Norte do Parana - - ECONOMIA - Edu­ar­do Cu­co­lo

O pa­ga­men­to da pri­mei­ra par­ce­la do 13º sa­lá­rio, na sex­ta-fei­ra da se­ma­na pas­sa­da, con­tri­buiu pa­ra que a ca­der­ne­ta de poupança re­gis­tras­se no­vo re­cor­de de cap­ta­ção de re­cur­sos no acu­mu­la­do do ano. No mês pas­sa­do, os de­pó­si­tos su­pe­ra­ram os sa­ques em R$ 4,1 bi­lhões, se­gun­do o Ban­co Cen­tral. Nos on­ze me­ses de 2012, o re­sul­ta­do che­gou a R$ 40,5 bi­lhões.

A cap­ta­ção des­te ano já é a mai­or da sé­rie his­tó­ri­ca ini­ci­a­da em 1995. O re­cor­de an­te­ri­or era o re­sul­ta­do po­si­ti­vo de R$ 38,7 bi­lhões en­tre ja­nei­ro e de­zem­bro de 2010. So­men­te no dia trin­ta do mês pas­sa­do, a cap­ta­ção fi­cou po­si­ti­va­emR$ 3,6bi­lhões.

O re­cor­de foi al­can­ça­do jus­ta­men­te no ano em que o go­ver­no me­xeu no cál­cu­lo da ren­ta­bi­li­da­de do in­ves­ti­men­to. Os de­pó­si­tos fei­tos até três de maio des­te ano con­ti­nu­am den­tro da re­gra de re­mu­ne­ra­ção de 0,5% ao mês mais TR (ta­xa re­fe­ren­ci­al, ho­je, em ze­ro). O di­nhei­ro de­po­si­ta­do após es­sa da­ta, no en­tan­to, se­gue ou­tra re­gra: é cor­ri­gi­do em 70% da ta­xa bá­si­ca de ju­ros (Se­lic) + TR. Com os ju­ros em 7,25% ao ano, a cor­re­ção da poupança é de 0,4134% ao­mês.

Ape­sar do ren­di­men­to mais bai­xo, a poupança con­ta com isen­ção de Im­pos­to de Ren­da e de ta­xa de ad­mi­nis­tra­ção, ao con­trá­rio da mai­o­ria das apli­ca­ções de ren­da fi­xa. Com is­so, ela ofe­re­ce re­tor­no mai­or que fun­dos de in­ves­ti­men­to des­sa ca­te­go­ria com ta­xa de ad­mi­nis­tra­ção aci­ma de 1%, pa­ra apli­ca­ções de até 12 me­ses. Tam­bém su­pe­ra CDBs que pa­gam abai­xo de 90% do CDI pa­ra in­ves­ti­men­tos­de­a­té­seis­me­ses.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.