Stacy, ex-vô­lei Fu­tu­ro, se apo­sen­ta

O Diario do Norte do Parana - - ESPORTES -

Ví­ti­ma de um aci­den­te em Osas­co em maio do ano pas­sa­do, a lí­be­ro nor­te-ame­ri­ca­na Stacy Sy­ko­ra de­ci­diu se apo­sen­tar do vô­lei. A jo­ga­do­ra, que es­ta­va de­fen­den­do o Ur­bi­no, da Itá­lia, vai vol­tar a mo­rar nos Es­ta­dos Uni­dos pa­ra rei­ni­ci­ar a sua vi­da ago­ra co­mo ex-atle­ta, aos 35 anos.

“Vou re­co­me­çar a cui­dar da mi­nha vi­da. De ‘’A’’ a ‘’Z’’, vou co­me­çar pe­lo ‘’A’’. Eu não sei o que vou fa­zer, mas se­ja o que for, vou ten­tar fa­zer o me­lhor co­mo téc­ni­ca, ou co­mo ad­vo­ga­da... Não sei. Mas que­ro ser óti­ma no que eu fi­zer”, dis­se ela. “Sem­pre dei 100% de mim. Es­sa foi mi­nha fi­lo­so­fia de vi­da.”

Mas ago­ra Sy­ko­ra não ti­nha mais co­mo se do­ar 100% ao vô­lei. No aci­den­te so­fri­do quan­do o ôni­bus do Vô­lei Fu­tu­ro, que che­ga­va a Osas­co pa­ra dis­pu­tar a se­mi­fi­nal da Su­per­li­ga con­tra o ti­me da ca­sa, ca­po­tou na Ro­do­via Cas­tel­lo Bran­co, ela per­deu par­te da vi­são e nun­ca mais vol­tou a jo­gar co­mo an­tes. Na oca­sião, so­freu um trau­ma­tis­mo crâ­ni­o­en­ce­fá­li­co e uma he­mor­ra­gia in­tra­cra­ni­a­na, pas­san­do mais de um mês in­ter­na­da.

“Ho­je a mi­nha vis­ta não me per­mi­te mais ver me­lhor e dar o meu má­xi­mo. Não pos­so jo­gar vô­lei se não ve­jo bem. Não é uma de­ci­são que eu es­co­lhi, mas eu sou obri­ga­da”, dis­se ela ao si­te ita­li­a­no vol­ley­ball.it.

“É a vi­da. Aque­le aci­den­te mu­dou mi­nha vi­da. Jo­ga­va no meu me­lhor ní­vel. Depois... Acon­te­ceu! Não sou tris­te pe­lo que acon­te­ceu. Não foi mi­nha es­co­lha, mas apren­di que ago­ra de­vo vi­ver me­lhor, por­que não sei mais quan­do is­so po­de aca­bar. Ia jo­gar uma fi­nal de cam­pe­o­na­to e qua­se mor­ri”, re­lem­bra.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.