INFORGOSPEL

O Diario do Norte do Parana - - OPINIÃO -

Mais da me­ta­de dos ofi­ci­al­men­te re­co­nhe­ci­dos gru­pos re­li­gi­o­sos do Ca­za­quis­tão têm vis­to as su­as con­gre­ga­ções se­rem fe­cha­das após um lon­go pro­ces­so de re­ca­das­tra­men­to exi­gi­do por uma no­va e con­tro­ver­sa lei re­li­gi­o­sa.As igre­jas pro­tes­tan­tes es­tão en­tre as mais afe­ta­das. O pra­zo pa­ra o re­ca­das­tra­men­to era 25 de ou­tu­bro. Des­de en­tão, os tri­bu­nais do país têm im­pos­to o fe­cha­men­to de igre­jas. Pa­ra se en­qua­drar no re­gis­tro, um gru­po de­ve ter no mí­ni­mo 5 mil mem­bros em ní­vel na­ci­o­nal, 500 no re­gi­o­nal e 50 no lo­cal, o que tor­na im­pos­sí­vel aos pe­que­nos gru­pos ob­ter a apro­va­ção do Es­ta­do. Mui­tos se quei­xa­ram de que o pro­ces­so de re­ca­das­tra­men­to foi “com­ple­xo”, “pe­sa­do”,“ar­bi­trá­rio”,“des­ne­ces­sá­rio” e “ca­ro”. Sob as no­vas e rí­gi­das di­re­tri­zes, 60% das 46 re­li­giões pre­vi­a­men­te re­co­nhe­ci­das do Ca­za­quis­tão ti­ve­ram re­gis­tros can­ce­la­dos, res­tan­do ape­nas 17. E cer­ca de um ter­ço de to­das as or­ga­ni­za­ções ba­se­a­das na fé cí­vi­ca tam­bém es­tão en­fren­tan­do o cor­te.A lei fa­vo­re­ce as “re­li­giões

Re­pro­du­ção

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.