Cul­tu­ral

O Diario do Norte do Parana - - O DIÁRIO DO NORTE DO PARANÁ -

trás de um gor­ro de lã, ca­sa­co pre­to e bo­ta de cau­bói, mes­mo com o ca­lor bei­ran­do os 34°C.

A tro­pa fran­ce­sa no ci­ne­ma foi mais nu­me­ro­sa - na­da me­nos que três fil­mes da­que­la ci­ne­ma­to­gra­fia ocu­pam o to­po dos me­lho­res do ano. E, en­quan­to “O Ar­tis­ta” ga­nhou a chan­ce­la do Os­car, ar­re­ba­tan­do a prin­ci­pal es­ta­tu­e­ta em fe­ve­rei­ro, “In­to­cá­veis” é apon­ta­do co­mo o gran­de fa­vo­ri­to na ca­te­go­ria de es­tran­gei­ros, na pre­mi­a­ção do ano que vem.

En­tre os dois, “Holy Mo­tors” sur­ge co­mo con­tra­pon­to ao cha­ma­do ci­ne­mão, am­pa­ra­do em um ro­tei­ro com­ple­xo e exal­ta­do, que pro­vo­cou dez mi­nu­tos de aplauso após sua exi­bi­ção no Fes­ti­val de Can­nes, em maio, mes­mo com al­guns crí­ti­cos res­sal­tan­do o en­re­do com­pli­ca­do e a di­fi­cul­da­de de com­pre­en­são da obra.

Ou­tro trun­fo fran­cês, a gri­fe cri­a­da pe­lo es­ti­lis­ta Ch­ris­ti­an Di­or (1905-1957) man­te­ve seu bri­lho ago­ra sob o co­man­do de Raf Si­mons que, em seu pri­mei­ro des­fi­le, em ju­lho, apoi­ou­se nos íco­nes da gri­fe. As­sim, ao vol­tar ao pas­sa­do, propôs um fu­tu­ro em que clás­si­co e contemporâneo se en­con­tram e for­mam um pre­sen­te hí­bri­do.

E, na li­te­ra­tu­ra, em meio à des­pe­di­da de Phi­lip Roth da es­cri­ta, o des­ta­que foi o re­lan- ça­men­to da obra com­ple­ta de Bruno Schulz, além das no­vas tra­du­ções de Ulys­ses, de Ja­mes Joy­ce, e de “D. Qui­xo­te”, de Miguel de Cer­van­tes.

Ana Tuc­ci/ae-ar­qui­vo

Bob Dy­lan an­dan­do pe­las ru­as de Co­pa­ca­ba­na, no Rio, em abril

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.