O guar­dião ar­que­o­ló­gi­co

Na ci­da­de en­con­tram-se as Ruí­nas da Re­du­ção Je­suí­ti­ca de San­to Iná­cio Mi­ni, fun­da­da em 1610, atra­ti­vo tu­rís­ti­co do País

O Diario do Norte do Parana - - O DIÁRIO DO NORTE DO PARANÁ - Tar­ci­la Fran­ça

O tem­po que se­pa­ra os an­ces­trais in­dí­ge­nas em 400 anos de ocu­pa­ção je­suí­ti­ca de San­to Iná­cio aos mo­ra­do­res dos di­as de ho­je pro­me­te não ser es­que­ci­do. To­do o le­ga­do his­tó­ri­co jus­ti­fi­ca por si só o po­ten­ci­al tu­rís­ti­co do mu­ni­cí­pio. O prin­ci­pal al­vo da ad­mi­nis­tra­ção de João Ba­tis­ta dos Santos foi tor­nar o lo­cal uma ro­ta im­por­tan­te do tu­ris­mo cul­tu­ral do País. Gru­pos da Ale­ma­nha e Por­tu­gal já con­fe­ri­ram a ri­que­za da re­gião, ho­je tom­ba­da pe­lo pa­trimô­nio his­tó­ri­co. “A in­ten­ção é que as pes­so­as res­pi­rem his­tó­ria as­sim co­mo acon­te­ce em São Miguel das Mis­sões (RS). Aqui em San­to Iná­cio e em Ita­gua­jé fo­ram fun­da­das as pri­mei­ras re­du­ções”, enal­te­ce a se­cre­tá­ria de Cul­tu­ra e Tu­ris­mo, Eliane Bar­re­to. Um con­vê­nio com a Uni­ver­si­da­de Es­ta­du­al de Ma­rin­gá (UEM) re­sul­tou num am­plo tra­ba­lho de pes­qui­sa dos res­tos da an­ti­ga ci­vi­li­za­ção. Fo­ram ca­ta­lo­ga­das pe­ças no Mu­seu His­tó­ri­co de San­to Iná­cio, acer­vo que in­clui des­de ar­te­sa­na­to até pe­ças e uten­sí­li­os an­ti­gos. Pa­ra re­me­ter a ci­da­de ao con­tex­to his­tó­ri­co, um por­tal tu­rís­ti­co edu­ca­ti­vo vai tra­zer ima­gens que re­tra­tam os je­suí­tas, ín­di­os e ban­dei­ran­tes, além de frag­men­tos em ce­râ­mi­cas. O por­tal fi­ca pron­to em abril. No ro­tei­ro, os vi­si­tan­tes co­nhe­cem o mu­seu, com ex­pli­ca­ções da ar­queó­lo­ga e his­to­ri­a­do­ra Jo­si­le­ne Apa­re­ci­da de Oli­vei­ra. Os tu­ris­tas vi­si­tam a ima­gem que deu no­me ao mu­ni­cí­pio, Iná­cio de Loyo­la, bem co­mo as re­du­ções je­suí­ti­cas. To­dos os anos são agen­da­das ca­ra­va­nas de vá­ri­os lu­ga­res do Bra­sil e do mun­do, mas ain­da há um gran­de po­ten­ci­al a ser ex­plo­ra­do nas ter­ras que per­ten­ce­ram aos ín­di­os. Um acor­do ju­di­ci­al pro­me­te in­de­ni­zar o mu­ni­cí­pio pe­la área de 48 al­quei­res que foi in­va­di­da por pos­sei­ros, ou­tra par­te inun­da­da pe­lo la­go da Usi­na Hi­dre­lé­tri­ca Ta­qua­ru­çu. Ho­je, res­tam três al­quei­res de seg­men­to ar­que­o­ló­gi­co. Com a in­de­ni­za­ção, o mu­ni­cí­pio cons­trui­rá um cen­tro de even­tos e de me­mó­ri­as e in­ves­ti­rá em pes­qui­sas e ex­plo­ra­ção des­se pa­trimô­nio. “O go­ver­no do Es­ta­do en­xer­gou o po­ten­ci­al a ser ex­plo­ra­do, res­ga­tan­do o va­lor his­tó­ri­co jun­to à Se­cre­ta­ria de Cul­tu­ra e Tu­ris­mo e apoi­an­do a cons­tru­ção do Cen­tro de Pes­qui­sas no lo­cal das Ruí­nas”, des­ta­ca o pre­fei­to, João Venceslau.

Divulgação

Sí­tio ar­que­o­ló­gi­co é mo­te tu­rís­ti­co que atrai ca­ra­va­nas do Bra­sil e até de ou­tros paí­ses

Mu­ni­cí­pio in­ves­te no pa­trimô­nio his­tó­ri­co, fo­men­tan­do pes­qui­sas, por­tal e tu­ris­mo

Pre­fei­to João Venceslau: por­tal vai dar mais vi­si­bi­li­da­de ao atra­ti­vo tu­rís­ti­co

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.