De­sen­con­tro

O Diario do Norte do Parana - - O DIÁRIO DO NORTE DO PARANÁ -

É mui­to co­mum, em no­ve­las, de­ter­mi­na­dos ato­res ou atri­zes, de­mo­ra­rem cer­to tem­po pa­ra en­con­trar os seus per­so­na­gens. Al­guns dão li­ga lo­go de ca­ra. Fo­ram os ca­sos de Nan­da Cos­ta e Bruna Mar­que­zi­ne, por exem­plo, em “Salve Jorge”. Na mes­ma no­ve­la, no en­tan­to, ve­ri­fi­ca-se que o tra­ba­lho do Ro­dri­go Lom­bar­di – que é re­co­nhe­ci­da­men­te um bom ator e a sua fi­cha de tra­ba­lhos não dei­xa a me­nor dúvida so­bre is­so –, ain­da não é o que de­le to­dos es­pe­ra­vam. E es­ta é uma crí­ti­ca de mui­tos. As su­as ex­pres­sões ou sor­ri­sos, mes­mo em mo­men­tos mais tris­tes, não ra­ras ve­zes pas­sam do pon­to e não pas­sam ao pú­bli­co o efei­to que se de­se­ja. “Salve Jorge” es­tá ain­da no co­me­ço e exis­te tem­po su­fi­ci­en­te pa­ra es­te me­lhor en­con­tro do ator com o mi­li­tar Théo; mas que is­to acon­te­ça o mais ra­pi­da­men­te pos­sí­vel. Por en­quan­to, re­pi­to, ele es­tá de­ven­do e atrás dos de­mais pro­ta­go­nis­tas.

Em­com­pen­sa­ção

Na mes­ma “Salve Jorge”, tam­bém são me­re­ci­dos os elo­gi­os à atu­a­ção de Gi­o­van­na An­to­nel­li. Na ver­da­de, ela sem­pre se de­fen­deu bem em to­dos os seus tra­ba­lhos, mas nes­te, es­pe­ci­al­men­te, tem se des­ta­ca­do de ma­nei­ra ex­tre­ma­men­te po­si­ti­va. É, sem dúvida, o seu me­lhor nos úl­ti­mos anos.

Fi­ca­a­dú­vi­da

Gu­gu Li­be­ra­to ter­mi­nou o ano di­mi­nuin­do as apre­sen­ta­ções da “Es­co­li­nha” ao vi­vo. O qua­dro foi co­lo­ca­do, não de­cep­ci­o­nou, mas por ra­zões in­ter­nas ter­mi­na 2012 em si­tu­a­ção du­vi­do­sa. Nin­guém ain­da sa­be in­for­mar o que irá acon­te­cer na vol­ta do pro­gra­ma depois das fé­ri­as.

Li­be­ra­da

Mai­sa Sil­va, além da sua par­ti­ci­pa­ção em pro­gra­mas e no­ve­las do SBT, aos pou­cos es­tá sen­do au­to­ri­za­da a re­a­li­zar ou­tros tra­ba­lhos fo­ra da emis­so­ra. Ago­ra em ja­nei­ro, por exem­plo, ela es­ta­rá à fren­te do co­mer­ci­al de uma es­co­la de in­glês.

Re­de Glo­bo/rapha­el Di­as

A boa for­ma de Flá­via Ales­san­dra é elo­gi­a­da por to­dos. Na mar­ca do 3.8, ela se des­ta­ca pe­la be­le­za e perfeição do seu cor­po. A atriz, no en­tan­to, mais uma vez vem a pú­bli­co e re­a­fir­ma que não tem in­ten­ção ne­nhu­ma de vol­tar a po­sar nua. Ape­sar da in­sis­tên­cia, que ela não ne­ga, é um tra­ba­lho que não de­se­ja re­pe­tir. Fo­ram du­as ve­zes e pron­to

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.