Te­le­jor­na­lis­mo ca­da vez mais pre­gui­ço­so

O Diario do Norte do Parana - - O DIÁRIO DO NORTE DO PARANÁ -

Co­mo a boa per­gun­ta e a boa re­por­ta­gem es­tão em bai­xa na TV, o que se tem no­ta­do é que nem mes­mo nos acon­te­ci­men­tos de al­can­ce na­ci­o­nal, os pro­fis­si­o­nais, de um mo­do ge­ral, sal­vo - é cla­ro – as ra­ras e hon­ro­sas ex­ce­ções, aca­bam se per­den­do e se dei­xan­do le­var pe­las in­for­ma­ções ofi­ci­ais, nem­sem­pre­con­fiá­veis. No ca­so do in­cên­dio na bo­a­te em San­ta Maria até ago­ra nin­guém foi bus­car a in­for­ma­ção com o fun­ci­o­ná­rio da Pre­fei­tu­ra ou do Cor­po de Bom­bei­ros que as­si­nou o úl­ti­mo al­va­rá con­ce­di­do. Por que as­si­nou? Com que in­te­res­se? Al­guém de ci­ma que man­dou? Te­ri­am que fa­lar com ele em pes­soa. Bus­car o bom­bei­ro, o fun­ci­o­ná­rio mu­ni­ci­pal, mas só fi­ca­ram en­tre­vis­tan­do o Co­man­dan­te do CB, qua­se sem­pre com res­pos­tas eva­si­vas. No ca­so das três mor­tes num Hos­pi­tal de Cam­pi­nas, após exa­me de res­so­nân­cia mag­né­ti­ca, os re­pór­te­res tam­bém fi­ca­ram à es­pe­ra das in­for­ma­ções ofi­ci­ais. Se é ver­da­de que as três pes­so­as re­ce­be­ram o con­tras­te de dois la­bo­ra­tó­ri­os diferentes e usa­ram du­as má­qui­nas, a res­pos­ta só po­de es­tar ou em qu­em ma­nu­se­ou o con­tras­te no hos­pi­tal mes­mo ou no for­ne­ce­dor de ma­té­ria pri­ma pa­ra o con­tras­te. Al­guém per­gun­tou o no­me dos enfermeiros e ou­tros fun­ci­o­ná­ri­os que ma­ni­pu­la­ram o con­tras­te? Não. Al­guém per­gun­tou qu­em fa­bri­ca ou for­ne­ce a ma­té­ria pri­ma do Con­tras­te pa­ra os dois la­bo­ra­tó­ri­os? Não. Pre­ci­sa­mos rá­pi­do de uma Es­co­la de Per­gun­tas pa­ra Re­pór­te­res. Me­lhor das im­pres­sões Um dos as­sun­tos mais co­men­ta­dos no dia de on­tem foi a es­treia de “José do Egi­to”. Os elo­gi­os fei­tos ain­da são pou­cos. Tra­ta-se, efe­ti­va­men­te, de um tra­ba­lho da mais al­ta qua­li­da­de. O di­re­tor Alexandre Avan­ci­ni, a sua equi­pe e to­do o elen­co me­re­cem ser re­co­nhe­ci­dos por is­so. A Re­cord acer­tou a mão nas mi­nis­sé­ri­es bí­bli­cas. Dra­ma da­que­les Pa­ol­la Oli­vei­ra vai co­me­çar a pró­xi­ma das 9, na Glo­bo, do Walcyr Car­ras­co, em meio a ce­nas de mui­to dra­ma. A per­so­na­gem da Pa­ol­la vai ter uma me­ni­na no ba­nhei­ro de um bar. Depois de um par­to com­pli­ca­do, a cri­an- ça é jo­ga­da nu­ma ca­çam­ba pe­lo ir­mão da pro­ta­go­nis­ta, Ma­teus So­la­no, que depois se­rá en­con­tra­da por Bruno, Mal­vi­no Sal­va­dor. Evi­den­te que no de­cor­rer da his­tó­ria, Pa­ol­la e Mal­vi­no irão se en­vol­ver, mas tam­bém pas­sa­rão a dis­pu­tar a guar­da da cri­an­ça.

Glo­bo/divulgação

Pa­ol­la Oli­vei­ra: na pró­xi­ma no­ve­la da 9 da Glo­bo, as­si­na­da por Walcyr Car­ras­co

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.