Pre­ço do eta­nol tem variação de até R$ 0,29

Pes­qui­sa fei­ta em 18 pos­tos de com­bus­tí­veis de Ma­rin­gá mos­tra tam­bém que di­fe­ren­ças nos va­lo­res da ga­so­li­na e di­e­sel che­gam a R$ 0,249 e R$ 0,20, res­pec­ti­va­men­te

O Diario do Norte do Parana - - CIDADES - Renato Oli­vei­ra

re­na­to­o­li­vei­ra@odi­a­rio.com A variação no pre­ço do li­tro da ga­so­li­na che­ga a R$ 0,249 nos pos­tos de com­bus­tí­veis de Ma­rin­gá. Um le­van­ta­men­to fei­to por O Diá­rio em 18 es­ta­be­le­ci­men­tos ve­ri­fi­cou que o com­bus­tí­vel é ven­di­do en­tre R$ 2,75 e R$ 2,999 – di­fe­ren­ça de 8,3%. A pes­qui­sa foi re­a­li­za­da em re­ven­das das ave­ni­das Co­lom­bo, Mo­ran­guei­ra, São Pau­lo e Gu­ru­caia.

O re­a­jus­te nos va­lo­res dos com­bus­tí­veis de­ve se es­ten­der até o iní­cio da pró­xi­ma se­ma­na, depois que o go­ver­no au­to­ri­zou o au­men­to. On­tem de ma­nhã, um pos­to na Ave­ni­da Mo­ran­guei­ra ven­dia a ga­so­li­na co­mum a R$ 2,699. Depois do meio-dia, o es­ta­be­le­ci­men­to re­a­jus­tou pa­ra R$ 2,799.

A di­fe­ren­ça de pre­ços do eta­nol em Ma­rin­gá che­ga a R$ 0,291 nos pos­tos vi­si­ta­dos pe­la re­por­ta­gem. A variação é de 10,5%. O va­lor mais bai­xo é de R$ 1,79 em um pos­to na Ave­ni­da Mo­ran­guei­ra. Já o mais al­to é R$ 1,99 em seis es­ta­be­le­ci­men­tos ve­ri­fi­ca­dos pe­la re­por­ta­gem.

Já a di­fe­ren­ça de pre­ços do di­e­sel em Ma­rin­gá é de 8,7%. A variação é de até R$ 0,20 nos es­ta­be­le­ci­men­tos con­sul­ta­dos. O mai­or va­lor é R$ 2,30, na Ave­ni­da Co­lom­bo. O li­tro mais ba­ra­to cus­ta R$ 2,10, tam­bém na Ave­ni­da Co­lom­bo.

Con­su­mi­dor

Em­bo­ra a di­fe­ren­ça se­ja de cen­ta­vos, qu­em per­cor­re di­a­ri­a­men­te lon­gas dis­tân­ci­as sen­te no fi­nal do mês o pe­so do com­bus­tí­vel mais ca­ro. O es­tu­dan­te do 5º ano de Di­rei­to da Uni­ver­si­da­de Es­ta­du­al de Ma­rin­gá (UEM), Odair Ti­zeu, mo­ra em Mu­nhoz de Mel­lo e per­cor­re di­a­ri­a­men­te 90 quilô­me­tros.

O con­su­mo men­sal é de 450 li­tros de ga­so­li­na por mês. Se­gun­do seus cál­cu­los, a di­fe­ren­ça na ho­ra de en­cher o tan­que de 60 li­tros do seu Ford Fo­cus, en­tre um pos­to que ven­de a ga­so­li­na a R$ 2,75 e a R$ 2,999, é de R$ 14,94 – no pri­mei­ro ca­so o tan­que cus­ta R$ 165 e no se­gun- do R$ 179,94.

A eco­no­mia em qua­tro se­ma­nas é de qua­se R$ 60, que re­pre­sen­ta 1/3 de um tan­que cheio. “Co­mo eu es­tou ter­mi­nan­do o cur­so e fo­quei so­men­te nos es­tu­dos qual­quer di­fe­ren­ça aca­ba pe­san­do mui­to no fi­nal do mês. É o que eu gas­to de có­pi­as de apos­ti­las em um se­mes­tre. Se for um tra­ba­lha­dor autô­no­mo que vi­a­ja, por exem­plo, a di­fe­ren­ça é bru­tal”, ana­li­sa.

O ca­so do ge­ren­te de pro­du­ção Os­ni Ri­bei­ro é di­fe­ren­te. Ele es­tá de mu­dan­ça pa­ra Cas­ca­vel, no oes­te do Es­ta­do, e te­rá que pe­gar 300 quilô­me­tros de es­tra­da pa­ra con­fe­rir a fa­se fi­nal da obra da no­va ca­sa. Em fa­se de con­ten­ção de gas­tos, ele pro­cu­rou o me­nor pre­ço pa­ra re­du­zir os cus­tos da vi­a­gem.

Com um veí­cu­lo que tem um tan­que de 75 li­tros de ca­pa­ci­da­de, Ri­bei­ro acre­di­ta que te­rá que abas­te­cer pe­lo me­nos mais uma vez an­tes de che­gar ao des­ti­no. “A di­fe­ren­ça de en­cher o tan­que a R$ 2,75 ou a R$ 2,99 é de R$ 18,65. Pa­re­ce pou­co, mas es­se di­nhei­ro aju­da a aba­ter o gas­to com os pe­dá­gi­os.”

Ra­fa­el Sil­va

Eta­nol a R$ 1,79 e ga­so­li­na por R$ 2,75 em pos­to na Ave­ni­da Mo­ran­guei­ra: me­no­res va­lo­res en­con­tra­dos

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.