Agên­cia au­xi­lia agen­da de DJ

O Diario do Norte do Parana - - O DIÁRIO DO NORTE DO PARANÁ -

Vi­da de DJ não é fá­cil. Em­bo­ra ha­ja um cer­to ro­man­tis­mo en­vol­ven­do a fi­gu­ra do res­pon­sá­vel pe­la dis­co­te­ca­gem das ba­la­das, os pro­fis­si­o­nais da área cos­tu­mam so­frer pa­ra com­por agen­das de tra­ba­lhos e vi­ver só da mú­si­ca. Adri­a­no Ha­veck, mes­mo dis­co­te­can­do e com­pon­do há al­guns anos, le­va o tra­ba­lho da noi­te pa­ra­le­la­men­te aos afa­ze­res diá­ri­os com seu la­bo­ra­tó­rio de pró­te­ses den­tá­ri­as.

Ele con­ta que, an­tes, con­se­guia uma mé­dia de dois tra­ba­lhos men­sais. Is­so mu­dou no ano pas­sa­do, quan­do en­trou pa­ra a ArtDjs – agên­cia de DJs inau­gu­ra­da tam­bém em 2012. “Já to­quei em vá­ri­as ou­tras ci­da­des aqui no Pa­ra­ná e tam­bém em al­guns ou­tros Es­ta­dos, co­mo São Pau­lo, San­ta Ca­ta­ri­na e Ma­to Gros­so”, diz Ha­veck.

O DJ Luii Sanz, 30, pro­pri­e­tá­rio da ArtDjs, re­ve­la que gra­ças a uma par­ce­ria com agên­ci­as nor­te-ame­ri­ca­nas, co­mo a Glo­bal Pri­me Djs Ma­na­ge­ment Con­sul­ting, de No­va Ior­que, vem con­se­guin­do agen­dar dis­co­te­ca­gens de ma­rin­ga­en­ses em vá­ri­as ba­la- das e tam­bém tra­zer DJs re­no­ma­dos pa­ra a ci­da­de. Atu­al­men­te, pou­co mais de dez DJs são agen­ci­a­dos pe­la em­pre­sa.

Pa­ra ele, a ce­na ele­trô­ni­ca, que ain­da po­de me­lho­rar na ci­da­de, es­tá pra­ti­ca­men­te con­so­li­da­da no Bra­sil. “Es­tá acon­te­cen­do um for­te cres­ci­men­to: mui­tos ar­tis­tas de re­no­me na­ci­o­nal e in­ter­na­ci­o­nal es­tão vin­do to­car aqui e na re­gião. No Bra­sil, a mú­si­ca ele­trô­ni­ca ga­nha ca­da vez mais es­pa­ço. Pro­va dis­so são os gran­de clubs (in­ter­na­ci­o­nais) que es­tão sen­do fi­xa­dos no País.”

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.