No­ro­es­te tem sus­pei­ta de mor­te por den­gue

In­ves­ti­ga­ção é re­a­li­za­da em Pe­a­bi­ru, mu­ni­cí­pio que re­gis­trou a pri­mei­ra mor­te pe­la do­en­ça no atu­al ci­clo vi­ral; re­gião con­cen­tra 72% dos ca­sos no Es­ta­do No­ro­es­te

O Diario do Norte do Parana - - REGIÃO -

O De­par­ta­men­to de Saú­de da Pre­fei­tu­ra de Pe­a­bi­ru (76 km de Ma­rin­gá) ini­ci­ou in­ves­ti­ga­ção pa­ra con­fir­mar se foi a den­gue a res­pon­sá­vel pe­la mor­te de um mo­ra­dor de 76 anos, na ter­ça-fei­ra. A ci­da­de, jun­ta­men­te com Fê­nix, Quin­ta do Sol, Pa­ra­na­vaí, São Car­los do Ivaí e Ja­pu­rá, res­pon­de por 72% dos ca­sos con­fir­ma­dos da do­en­ça des­de agos­to no Pa­ra­ná.

A su­pos­ta ví­ti­ma era um ho­mem apo­sen­ta­do, que es­ta­va in­ter­na­do em um hos­pi­tal de Cam­po Mourão com sin­to­mas si­mi­la­res aos da den­gue. A che­fe do de­par­ta­men­to, Letícia Pe­dro­ni Ri­zo, es­pe­ra pe­la re­a­li­za­ção de to­dos os exa­mes. Há pou­co mais de 1 mês, um ad­vo­ga­do de 75 anos, tam­bém mo­ra­dor de Pe­a­bi­ru, morreu ví­ti­ma da den­gue. Foi o pri­mei­ro ca­so de mor­te pe­la do­en­ça re­gis­tra­do nes­te ci­clo (agos­to/ju­lho) no Es­ta­do. Pe­a­bi­ru es­tá em­si­tu­a­ção­de­e­mer­gên­cia. De acor­do com o mais re­cen­te bo­le­tim da Se­cre­ta­ria de Es­ta­do da Saú­de, Pa­ra­na­vaí, São Car­los do Ivaí, Ja­pu­rá, Pe­a­bi­ru, Fê­nix e Quin­ta do Sol en­fren­tam epi­de­mia da do­en­ça.

O re­la­tó­rio con­fir­mou 844 no­vos ca­sos des­de a se­ma­na pas­sa­da. Nes­te ci­clo já são 3.439 tes­tes po­si­ti­vos. Tam­bém fo­ram con­fir­ma­dos seis ca­sos gra­ves da do­en­ça: três por den­gue he­mor­rá­gi­ca e três por com­pli­ca­ções.

Mes­mo di­an­te dos nú­me­ros, o se­cre­tá­rio de Es­ta­do da Saú­de, Mi­che­le Ca­pu­to Ne­to, dis­se que o Pa­ra­ná não es­tá em si­tu­a­ção de epi­de­mia, vis­to que a in­ci­dên­cia é de ape­nas 30,02 ca­sos por gru­po de 100 mil ha­bi­tan­tes, con­si­de­ra­da bai­xa pe­lo Mi­nis­té­rio da Saú­de.

“A si­tu­a­ção não se com­pa­ra a “Des­de o ano pas­sa­do es­ta­mos mo­ni­to­ran­do es­ses mu­ni­cí­pi­os e en­vi­an­do apoio pa­ra con­tro­lar a den­gue” 2010, quan­do ha­via 71 mu­ni­cí­pi­os em epi­de­mia e 33.456 ca­sos con­fir­ma­dos”, afir­mou o se­cre­tá­rio. Ou­tra di­fe­ren­ça es­tá no por­te dos mu­ni­cí­pi­os em epi­de­mia. Den­tre os seis atu­al­men­te nes­ta si­tu­a­ção, cin­co têm me­nos de 15 mil ha­bi­tan­tes. Es­te é o ca­so de Quin­ta do Sol, no cen­trooes­te, que re­gis­trou 29 ca­sos e já en­trou em es­ta­do de epi­de­mia, por ter ape­nas 5 mil ha­bi­tan­tes.

Na se­ma­na pas­sa­da, o se­cre­tá­rio de­ter­mi­nou o en­vio de me­di­ca­men­tos e apoio lo­gís­ti­co, e ga­ran­tiu a re­a­li­za­ção de mais exa­mes pa­ra a de­tec­ção da do­en­ça na re­gião de Pa­ra­na­vaí. Além dis­so, 32 mu­ni­cí­pi­os em epi­de­mia ou si­tu­a­ção crí­ti­ca re­ce­be­ram R$ 4,2 mi­lhões do go­ver­no do Es­ta­do pa­ra re­for­çar o en­fren­ta­men­to da den­gue. A se­cre­ta­ria tam­bém man­tém equi­pes téc­ni­cas e uni­da­des de UBV pe­sa­do (fu­ma­cê) em 12 mu­ni­cí­pi­os pa­ra o com­ba­te ao mos­qui­to adul­to.

De acor­do com o bo­le­tim di­vul­ga­do pe­la Sa­la de Si­tu­a­ção da Den­gue, mais seis ci­da­des tam­bém es­tão mui­to pró­xi­mas de atin­gir ta­xas de in­ci­dên­cia epi­dê­mi­ca, de 300 ca­sos por 100 mil ha­bi­tan­tes: Ama­po­rã, Ter­ra Ri­ca, São João do Caiuá, Tam­bo­a­ra, En­ge­nhei­ro Bel­trão e San­ta Fé. * Quin­ta do Sol tem 29 ca­sos mas es­tá em epi­de­mia por­que tem 5.085 ha­bi­tan­tes, o que equi­va­le a uma ta­xa su­pe­ri­or a 300 ca­sos / 100 mil ha­bi­tan­tes.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.