Car­tão do Es­tar se­rá ven­di­do pe­la internet

A en­co­men­da dos car­tões de es­ta­ci­o­na­men­to ro­ta­ti­vo pe­la internet se­rá li­mi­ta­da a mo­ra­do­res da zo­na ur­ba­na, com pe­di­do mí­ni­mo de cin­co ta­lões -- o equi­va­len­te, ho­je, a R$ 40

O Diario do Norte do Parana - - CIDADES - Mu­ri­lo Gat­ti

mgat­ti@odi­a­rio.com Os ta­lões do Es­ta­ci­o­na­men­to Re­gu­la­men­ta­do (Es­taR) de Ma­rin­gá vão poder ser so­li­ci­ta­dos pe­la internet e se­rão en­tre­gues nas ca­sas dos ma­rin­ga­en­ses. Ain­da não há pre­vi­são de quan­do o ser­vi­ço co­me­ça­rá a fun­ci­o­nar, mas a pre­fei­tu­ra re­gu­la­men­tou as re­gras pa­ra vi­a­bi­li­zar o ser­vi­ço de so­li­ci­ta­ção dos car­tões pe­la internet, ba­ti­za­do de Pro­gra­ma Es­ta­ci­o­na­men­to Ro­ta­ti­vo em Ca­sa.

Se­gun­do o de­cre­to 305/2013, de 29 de ja­nei­ro de 2013, e que re­gu­la­men­ta a Lei Mu­ni­ci­pal 9.167/2012, o mu­ni­cí­pio vai cri­ar um es­pa­ço na pá­gi­na ofi­ci­al da pre­fei­tu­ra na internet on­de os in­te­res­sa­dos po­de­rão so­li­ci­tar os ta­lões de es­ta­ci­o­na­men­to, que de­ve­rão ser en­tre­gues em até 24 ho­ras por ser­vi­do­res do Es­tar de­vi­da­men­te uni­for­mi­za­dos.

O ser­vi­ço, se­gun­do o de­cre­to, vai aten­der so­men­te aos mo­ra­do­res da área ur­ba­na. Além dis­so, só vão ser acei­tos pe­di­dos de no mí­ni­mo cin­co ta­lões com dez car­tões de es­ta­ci­o­na­men­to ca­da. Em va­lo­res atu­ais, em que é co­bra­da uma ta­xa de R$ 0,80 por ho­ra de es­ta­ci­o­na­men­to, o pre­ço mí­ni­mo de ca­da pe­di­do te­rá de ser de R$ 40.

Pa­ga­men­to

O re­gu­la­men­to tam­bém de­ter­mi­na que o pa­ga­men­to pe­los ta­lões so­li­ci­ta­dos via internet te­rá de ser fei­to ex­clu­si­va­men­te em di­nhei­ro, ao fun­ci­o­na­rá que fa­rá a en­tre­ga. “Ain­da não te­mos a pre­vi­são de quan­do va­mos con­se­guir im­ple­men­tar o ser­vi­ço, mas va­mos cum­prir o de­cre­to”, afir­mou o se­cre­tá­rio de Trân­si­to e Se­gu­ran­ça, Ade­mar Schi­a­vo­ne.

Re­a­jus­te

Nos pró­xi­mos me­ses a Se­cre­ta­ria de Trân­si­to e Se­gu­ran­ça (Se­trans) tam­bém de­ve de­fi­nir o por­cen­tu­al de re­a­jus­te do Es­taR, que tra­ba­lha há cin­co anos com o mes­mo va­lor. “Es­tá mui­to de­fa­sa­do”, con­si­de­rou Schi­a­vo­ne.

O sis­te­ma de con­tro­le do Es­taR te­ve du­as mu­dan­ças no úl­ti­mos me­ses. O ser­vi­ço pas­sou a usar o an­ti­go pré­dio da bi­bli­o­te­ca cen­tral co­mo se­de e os 60 agen­tes que tra­ba­lham com a co­bran­ça nas ru­as pas­sa­ram a usar um no­vo uni­for­me de cor ama­re­la.

Tam­bém es­te ano, a área de abran­gên­cia do Es­taR ga­nhou 457 va­gas com a im­plan­ta­ção do ser­vi­ço no qu­a­dri­lá­te­ro for­ma­do pe­las ave­ni­das Ho­rá­cio Rac­ca­nel­lo Fi­lho, João Pau­li­no Vi­ei­ra Fi­lho, Du­que de Ca­xi­as e Her­val. Além dis­so, o es­pa­ço dis­põe de oi­to va­gas pa­ra de­fi­ci­en­tes, 23 pa­ra ido­sos e 70 pa­ra mo­to­ci­cle­tas.

Sis­te­ma

Pa­ra ga­ran­tir a ro­ta­ti­vi­da­de das va­gas na área cen­tral, os usuá­ri­os po­dem usar o es­ta­ci­o­na­men­to pe­lo pe­río­do má­xi­mo de du­as ho­ras. Os veí­cu­los que ex­ce­dem o li­mi­te de tem­po na mes­ma va­ga re­ce­bem um avi­so de in­fra­ção e o mo­to­ris­ta tem até 12 di­as pa­ra pagar uma ta­xa de R$ 16 e evi­tar uma mul­ta por es­ta­ci­o­na­men­to ir­re­gu­lar. Qu­em não usa o car­tão de es­ta­ci­o­na­men­to du­ran­te as du­as ho­ras per­mi­ti­das tam­bém é no­ti­fi­ca­do e tem de pagar uma ta­xa que va­ria en­tre R$ 4 e R$ 8 pa­ra evi­tar uma mul­ta de R$ 53,20 e três pon­tos na car­tei­ra de ha­bi­li­ta­ção por es­ta­ci­o­nar de for­ma ir­re­gu­lar.

Em 2012, a Pre­fei­tu­ra de Ma­rin­gá ar­re­ca­dou R$ 1,44 mi­lhão com o Es­taR, va­lor 9% su­pe­ri­or ao ar­re­ca­da­do em 2011, quan­do a re­cei­ta foi de R$ 1,32 mi­lhão.

Ra­fa­el Sil­va

Nos pró­xi­mos me­ses a Se­cre­ta­ria de Trân­si­to e Se­gu­ran­ça tam­bém de­ve de­fi­nir o va­lor do re­a­jus­te do Es­taR

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.