Pen­sei que com­pra de­mo­ra­ria mais’

O Diario do Norte do Parana - - ZOOM - Mu­ri­lo Gat­ti

mgat­ti@odi­a­rio.com Aos 25 anos, o au­xi­li­ar de es­cri­tó­rio Edu­ar­do Fe­li­pe Lou­ren­ce­ti mo­ra no imó­vel pró­prio des­de agos­to do ano pas­sa­do. “Com­prei a ca­sa pa­ra ca­sar e pu­de en­trar no imó­vel dois di­as an­tes do ca­sa­men­to. Fe­liz­men­te, nem pre­ci­sei pagar alu­guel. Achei que se­ria mais de­mo­ra­do e com­pli­ca­do pa­ra con­se­guir o fi­nan­ci­a­men­to, mas foi rá­pi­do e deu tudo cer­to”, afir­ma.

Ele ad­qui­riu um imó­vel no Jar­dim Ta­ru­mã, em Ma­rin­gá, com di­rei­to ao sub­sí­dio do pro­gra­ma Mi­nha Ca­sa, Mi­nha Vi­da. “Do dia em que vi a ca­sa até o dia em que fe­cha­mos o ne­gó­cio se pas­sa­ram ape­nas três me­ses”, lem­bra.

O par­ce­la­men­to da re­si­dên­cia foi fei­to em 300 me­ses e, se­gun­do Lou­ren­ce­ti, as pres­ta­ções não aper­tam o or­ça­men­to. “Fi­cou me­lhor do que eu es­pe­ra­va. Es­tou sa­tis­fei­to com o imó­vel e com o fi­nan­ci­a­men­to. As par­ce­las ca­bem tran­qui­la­men­te no meu or­ça­men­to”, diz.

O ne­gó­cio fe­cha­do pe­lo au­xi­li­ar de es­cri­tó­rio foi fi­nan­ci­a­do na Cai­xa Econô­mi­ca Fe­de­ral. Se­gun­do ele, tudo foi con­tra­ta­do por meio de uma lo­ja au­to­ri­za­da do ban­co. No lo­cal foi fei­ta a aná­li­se do cré­di­to e a apro­va­ção de to­da do­cu­men­ta­ção ne­ces­sá­ria pa­ra o fi­nan­ci­a­men­to.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.