Po­lí­cia in­ter­ro­ga do­ze sus­pei­tos

O Diario do Norte do Parana - - ESPORTES -

A po­lí­cia bo­li­vi­a­na abriu uma in­ves­ti­ga­ção nes­ta quin­ta-fei­ra so­bre a mor­te do ga­ro­to de 14 anos pro­vo­ca­da por um si­na­li­za­dor que te­ria si­do lan­ça­do por tor­ce­do­res do Co­rinthi­ans du­ran­te jo­go da Co­pa Li­ber­ta­do­res em Oru­ro. Ao me­nos 12 tor­ce­do­res do Co­rinthi­ans fo­ram pre­sos de- pois do jo­go, na noi­te de quar­ta­fei­ra, con­tra o San José pa­ra in­ter­ro­ga­ções vi­san­do à iden­ti­fi­car qu­em lan­çou o si­na­li­za­dor que atin­giu o me­ni­no no olho, ma­tan­do-o qua­se ins­tan­ta­ne­a­men­te. “Hou­ve uma per­da de mas­sa ce­re­bral quan­do o pro­jé­til, um tu­bo plás­ti­co, pe­ne­trou o crâ­nio. De­vi­do a is­so, a mor­te foi ime­di­a­ta”, dis­se o mé­di­co José Maria Var­gas à im­pren­sa lo­cal no Hos­pi­tal Obre­ro, em Oru­ro, on­de o me­ni­no foi de­cla­ra­do mor­to. A mí­dia lo­cal in­for­mou que os res­tos do si­na­li­za­dor não cor­res­pon­dem ao ti­po vis­to na Bo­lí­via, on­de ho­o­li­gans ou ma­ni­fes­tan­tes usam fo­gos de ar­ti­fí­cio de pa­pe­lão, sem pe­ças plás­ti­cas, su­ge­rin­do que ele po­de ter si­do tra­zi­do ao país.

A Con­fe­de­ra­ção Sul-Ame­ri­ca­na de Fu­te­bol (Con­me­bol), cu­ja se­de é na ca­pi­tal pa­ra­guaia As­sun­ção, dis­se à Reuters que es­ta­va es­pe­ran­do o re­la­tó­rio do re­pre­sen­tan­te de­les no jo­go an­tes de fa­zer uma de­cla­ra­ção so­bre o in­ci­den­te.

Se­gun­do as re­gras da com­pe­ti­ção, o Co­rinthi­ans po­de ser ex­pul­so do tor­neio atu­al ou de um tor­neio fu­tu­ro se for con­fir­ma­do que al­guns de seus tor­ce­do­res fo­ram res­pon­sá­veis pe­la mor­te do me­ni­no.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.