Li­ci­ta­ções ofe­re­cem lo­ja e lan­cho­ne­te do Par­que do In­gá

LA­ZER Pro­ces­so fra­ci­o­na­do de ter­cei­ri­za­ções de equi­pa­men­tos de la­zer é ini­ci­a­do pe­lo mu­ni­cí­pio. Meio Am­bi­en­te in­for­mou que pró­xi­mo pro­ces­so con­tem­pla­rá bi­ci­cle­tas e pe­da­li­nhos

O Diario do Norte do Parana - - ZOOM - Mu­ri­lo Gat­ti

mgat­ti@odi­a­rio.com Em ou­tu­bro, quan­do o Par­que do In­gá com­ple­tar 42 anos, a prin­ci­pal área de la­zer da ci­da­de vol­ta­rá a con­tar com uma lan­cho­ne­te aber­ta ao público. Ao me­nos é o que pre­vê o edi­tal de li­ci­ta­ção aber­to pe­la Pre­fei­tu­ra de Ma­rin­gá para con­ce­der à ini­ci­a­ti­va pri­va­da a ex­plo­ra­ção co­mer­ci­al da área da lan­cho­ne­te e da lo­ja de souvenirs da re­ser­va.

O edi­tal, que vai ter os en­ve­lo­pes com as pro­pos­tas aber­tas no dia 10 de ou­tu­bro, mar­ca a re­to­ma­da do pro­ces­so de ter­cei­ri­za­ção dos equi­pa­men­tos de la­zer, con­for­me pro­je­to da pre­fei­tu­ra apro­va­do pe­la Câ­ma­ra Mu­ni­ci­pal, em no­vem­bro do ano pas­sa­do. A lei , que au­to­ri­za a ter­cei­ri­za­ção dos atra­ti­vos, tam­bém de­ter­mi­na que a entrada no Par­que do In­gá per­ma­ne­ça gra­tui­ta.

Se­gun­do o se­cre­tá­rio mu­ni­ci­pal do Meio Am­bi­en­te, Um­ber­to Cris­pim, o edi­tal de con­ces­são da lan­cho­ne­te e da lo­ja é ape­nas o pri­mei­ro, de uma sé­rie de edi­tais que vão se­rá lan­ça­da. O for­ma­to de con­tra­to para os dois equi­pa­men­tos é pra­ti­ca­men­te o mes­mo. A pro­pos­ta é que os es­pa­ços se­jam con­ce­di­dos por 5 anos, com pos­si­bi­li­da­de de re­no­va­ção do con­tra­to por igual pe­río­do. A ven­ce­do­ra do cer­ta­me vai ser a empresa que ofe­re­cer a me­lhor pro­pos­ta de alu­guel. “Já es­ta­mos tra­ba­lhan­do na pre­pa­ra­ção do edi­tal para a con­ces­são de uso dos pe­da­li­nhos e das bi­ci­cle­tas. Va­mos fa­zer is­to em se­gui­da”, diz.

O mu­ni­cí­pio pos­sui dez pe­da­li­nhos, cin­co em for­ma­to de cis­ne e cin­co em for­ma­to de ca­ra­ve­la, ad­qui­ri­dos em 2011 e que per­ma­ne­cem guar­da­dos para o uso no la­go do Par­que do In­gá. Para as bi­ci­cle­tas, a in­ten­ção é que se per­mi­ta a lo­ca­ção de equi­pa­men­tos para pas­sei­os em tri­lhas es­pe­cí­fi­cas da re­ser­va.

Se­gun­do Cris­pim, no ter­cei­ro lo­te de con­ces­sões vão ser in­cluí­das a ex­plo­ra­ção co­mer­ci­al do cir­cui­to de ar­vo­ris­mo e da ti­ro­le­sa, ins­ta­la­dos no se­gun­do se­mes­tre de 2010, mas que até hoje não fo­ram usa­dos. Ques­ti­o­na­do so­bre as da­tas das no­vas li­ci­ta­ções e so­bre a pre­vi­são de im­plan­ta­ção dos atra­ti­vos, o se­cre­tá­rio de Meio Am­bi­en­te pre­fe­riu não fir­mar um com­pro­mis­so. “As li­ci­ta­ções de­mo­ram um pou­co. Va­mos abrir os edi­tais em se­gui­da. Que­re­mos por tu­do para fun­ci­o­nar”, afir­mou.

Em­bo­ra não ha­ja pre­vi­são para a pu­bli­ca­ção dos ou­tros edi­tais, Cris­pim re­la­tou que a ad­mi­nis­tra­ção tem pres­sa para ga­ran- tir mais atra­ti­vos aos vi­si­tan­tes do Par­que do In­gá. “In­fe­liz­men­te o se­tor público de­pen­de da li­ci­ta­ção. Mas com o pro­ces­so con­cluí­do e a de­fi­ni­ção do ga­nha­dor, va­mos por lo­go para fun­ci­o­nar.”

Por en­quan­to, se­gun­do o se­cre­tá­rio, a pre­fei­tu­ra tem se de­di­ca­do a ações de edu­ca­ção am­bi­en­tal vol­ta­da a es­tu­dan­tes da re­de mu­ni­ci­pal. “Va­mos fa­zer a ori­en­ta­ção na se­ma­na da Pri­ma­ve­ra, quan­do va­mos le­var os es­tu­dan­tes para par­ti­ci­pa­ção em ati­vi­da­des de tri­lhas eco­ló­gi­cas e para co­nhe­cer o mu­seu, on­de eles po­de­rão co­nhe­cer os ani­mais”, afir­mou. Se­gun­do o se­cre­tá­rio, o es­pa­ço do mu­seu não fun­ci­o­na cons­tan­te­men­te de­vi­do à fal­ta de uma equi­pe para tra­ba­lhar per­ma­nen­te­men­te no lo­cal.

Pes­ca

O se­cre­tá­rio vol­tou a afir­mar que pre­ten­de li­be­rar o la­go do Par­que do In­gá para a prá­ti­ca de pes­ca­ria. No en­tan­to, a me­di­da ain­da de­pen­de de aná­li­ses so­bre a qua­li­da­de da água e dos pei­xes. “O la­bo­ra­tó­rio foi con­tra­ta­do e es­te pro­ces­so está em fa­se de exe­cu­ção. Te­mos que pe­gar os pei­xes para ana­li­sar a pre­sen­ça de to­xi­nas e a even­tu­al con­ta­mi­na­ção por me­tais. An­tes de li­be­rar a pes­ca­ria, te­mos que sa­ber se os pei­xes não ofe­re­cem ris­co à po­pu­la­ção”, con­tou. Se­gun­do Cris­pim, o mes­mo pro­ces­so de aná­li­se dos pei­xes e da água vai ser exe­cu­ta­do no Par­que Al­fre­do Nyf­fel­ler, on­de a pre­fei­tu­ra tam­bém es­tu­da a re­gu­la­ri­za­ção da ati­vi­da­de de pes­ca no la­go.

João Cláudio Fragoso

Obras no Horto Flo­res­tal para con­ten­ção da ero­são: R$ 3,89 mi­lhões se­rão gas­tos no ser­vi­ço

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.