‘Ma­co­nha’ é mor­to com Tro­tes re­pre­sen­tam 37% das li­ga­ções 12 ti­ros no Gu­ai­ra­cá

Van­der­son Van­der­ley Ja­mes de Mol­la, co­nhe­ci­do pe­lo ape­li­do de Ma­co­nha, foi as­sas­si­na­do com dis­pa­ros de ar­mas ca­li­bre 9mm e 380. Ví­ti­ma ti­nha di­ver­sas pas­sa­gens pe­la po­lí­cia

O Diario do Norte do Parana - - CIDADES - Fá­bio Cas­tal­del­li Fá­bio Cas­tal­del­li

fa­bi­o­au­gus­to@odi­a­rio.com Van­der­son Van­der­ley Ja­mes de Mol­la, 21 anos, mais co­nhe­ci­do pe­lo ape­li­do de Ma­co­nha, foi mor­to, na noi­te des­ta sex­ta-fei­ra, com 12 ti­ros. O cor­po de­le foi en­con­tra­do, sem vi­da, por po­pu­la­res, por vol­ta das 21 ho­ras, no Jar­dim Gu­ai­ra­cá.

Tes­te­mu­nhas in­for­ma­ram à Po­lí­cia Mi­li­tar (PM) que Ma­co­nha es­ta­va na Rua Jo­sé Ma­ria Ma­ti­as, quan­do du­as pes­so­as, em um car­ro bran­co de mo­de­lo não iden­ti­fi­ca­do, fi­ze­ram os dis­pa­ros e fu­gi­ram, em se­gui­da. O Sis­te­ma In­te­gra­do de Aten­di­men­to ao Trau­ma e Emer­gên­cia (Si­a­te) foi aci­o­na­do, mas, quan­do o so­cor­ro che­gou o jo­vem es­ta­va mor­to.

O cor­po do jo­vem foi en­ca­mi­nha­do ao Ins­ti­tu­to Mé­di­co-Le­gal (IML) de Ma­rin­gá. A PM fez ron­da na re­gião do cri­me à pro­cu­ra dos au­to­res do as­sas­si­na­to, po­rém, até a ma­nhã des­te sá­ba­do ne­nhum sus­pei­to ha­via si­do iden­ti­fi­ca­do, nem lo­ca­li­za­do.

Um in­ves­ti­ga­dor da De­le­ga­cia de Ho­mi­cí­di­os e um pe­ri­to cri­mi­nal es­ti­ve­ram no lo­cal do ho- mi­cí­dio, on­de re­co­lhe­ram es­to­jos de ar­mas ca­li­bre 9mm e 380. De acor­do com a PM, ape­sar da pou­ca ida­de, Ma­co­nha, que apre­sen­ta­va uma tatuagem da dro­ga no pes­co­ço, ti­nha di­ver­sas pas­sa­gens pe­la po­lí­cia, in­cluin­do por trá­fi­co in­ter­na­ci­o­nal de dro­gas.

Dro­gas

A mor­te de Ma­co­nha re­for­ça as es­ta­tís­ti­cas que apon­tam que na mai­o­ria dos as­sas­si­na­tos que acon­te­ce em Ma­rin­gá as ví­ti­mas têm re­la­ção com o trá­fi­co de en­tor­pe­cen­tes. Dos 45 ho­mi­cí­di­os re­gis­tra­dos de ja­nei­ro até on­tem ce­do, na ci­da­de, 26 ti­ve­ram al­gum ti­po de en­vol­vi­men­to com dro­gas - o equi­va­len­te a 57% dos ca­sos. Nas de­mais ocor­rên­ci­as, os as­sas­si­na­tos fo­ram mo­ti­va­dos por de­sa­ven­ças, cri­mes pas­si­o­nais ou cau­sas des­co­nhe­ci­das.

O nú­me­ro de ho­mi­cí­di­os e la­tro­cí­ni­os de ja­nei­ro a agos­to des­te ano - 47 no to­tal - foi o mai­or des­de 2008. Os da­dos são do Ma­pa do Cri­me - le­van­ta­men­to de no­ve mo­da­li­da­des cri­mi­nais ela­bo­ra- do com ba­se em re­la­tó­ri­os das po­lí­ci­as Ci­vil e Mi­li­tar e pu­bli­ca­do mês a mês nas edi­ções im­pres­sas e na ver­são on­li­ne de O Diá­rio.

Para ten­tar di­mi­nuir o nú­me­ro de ocor­rên­ci­as do gê­ne­ro, o efe­ti­vo da Po­lí­cia Ci­vil, em Ma­rin­gá, e 23 ci­da­des da re­gião su­biu de 189 para 221 po­li­ci­ais, no pri­mei­ro se­mes­tre des­te ano, além do acrés­ci­mo de 15 vi­a­tu­ras. A PM tam­bém re­ce­beu re­for­ços de efe­ti­vo, no en­tan­to, a cor­po­ra­ção não di­vul­ga nú­me­ros, ale­gan­do ques­tões de se­gu­ran­ça. A con- fir­ma­ção que se tem é que pe­lo me­nos 37 no­vas vi­a­tu­ras fo­ram en­tre­gues para a re­gião em 2013.

Ou­tro re­for­ço para a se­gu­ran­ça são as câ­me­ras de vi­gi­lân­cia que es­tão sen­do ins­ta­la­das pe­la pre­fei­tu­ra, em di­ver­sos pon­tos da ci­da­de. A Se­cre­ta­ria de Trân­si­to e Se­gu­ran­ça (Se­trans) di­vuld­gou que 25 equi­pa­men­tos vão mo­ni­to­rar a ru­as e ave­ni­das, 24 ho­ras por dia, e, além de com­ba­ter ir­re­gu­la­ri­da­des no trân­si­to, es­ta­rão à dis­po­si­ção para au­xi­li­ar a po­lí­cia em in­ves­ti­ga­ções.

fa­bi­o­au­gus­to@odi­a­rio.com O que era para ser um re­cur­so para au­xi­li­ar as pes­so­as em si­tu­a­ção de emer­gên­cia vi­rou al­vo de pes­so­as mal-in­ten­ci­o­na­das. De ca­da dez li­ga­ções re­ce­bi­das pe­la cen­tral 190 do 4º Ba­ta­lhão de Po­lí­cia Mi­li­tar (PM), em Ma­rin­gá, qu­a­tro são tro­tes. Na cen­tral 193, do 5º Gru­pa­men­to do Cor­po de Bom­bei­ros, pe­lo me­nos três, em ca­da dez aten­di­men­to, re­sul­tam em in­for­ma­ções fal­sas.

Le­van­ta­men­to re­a­li­za­do pe­la PM, in­di­ca que de ja­nei­ro de 2011 ao mês pas­sa­do, a cen­tral 190 re­ce­beu 941 mil li­ga­ções. Des­sas, mais de 350 mil fo­ram tro­tes. Por dia, em mé­dia, são 360 li­ga­ções fal­sas.

De acor­do com o res­pon­sá­vel pe­la Co­mu­ni­ca­ção So­ci­al do 4º BPM, te­nen­te Cláudio Rocha, o prin­ci­pal pro­ble­ma dos tro­tes é o con­ges­ti­o­na­men­to das li­nhas te­lefô­ni­cas que pro­vo­cam. “Al­guém po­de ten­tar en­trar em con­ta­to co­nos­co de for­ma ur­gen­te e não ter êxi­to”, des­ta­ca. Ele res­sal­ta que a mai­o­ria das li­ga­ções fal­sa ocor­re em ho­rá­ri­os de saí­da es­co­lar: das 11 ho­ras às 12h30 e das 17 ho­ras às 18h30. “As cri­an­ças e os ado­les­cen­tes con­ti­nu­am sen­do os prin­ci­pais au­to­res”, fri­sa.

O ofi­ci­al de Co­mu­ni­ca­ção do 5º GB, te­nen­te Ni­val­do do Rê­go, co­men­ta que tam­bém é co­mum as li­ga­ções ocor­rem de ma­dru­ga­da. Nes­se ca­so, ava­lia, são pes­so­as so­li­tá­ri­as e em bus­ca de aten­ção. “Além dos pre­juí­zos no aten- di­men­to, é pre­ci­so con­si­de­rar os gas­tos des­ne­ces­sá­ri­os com com­bus­tí­vel, por exem­plo, que acon­te­cem quan­do uma equi­pe é des­lo­ca­da sem a re­al ne­ces­si­da­de”, aler­ta.

Sa­mu

Dos 17.386 te­le­fo­ne­mas re­ce­bi­dos pe­lo Ser­vi­ço de Aten­di­men­to Mó­vel de Ur­gên­cia (Sa­mu), em Ma­rin­gá, pe­lo 192, de ja­nei­ro a agos­to des­te ano, 54 fo­ram tro­tes. Ape­sar de re­pre­sen­tar pou­co nas es­ta­tís­ti­cas - o equi­va­len­te a 0,31% do to­tal -, o di­re­tor Ad­mi­nis­tra­ti­vo do ór­gão, Eduardo Kre­vi­es­ki, não ig­no­ra os trans­tor­nos cau­sa­dos “O pro­ble­ma é que li­da­mos o tem­po to­do com vi­das que po­dem ser sal­vas. Quan­do uma equi­pe é con­du­zi­da para um aten­di­men­to que não exis­te, al­guém no ou­tro la­do da ci­da­de po­de es­tar cor­ren­do o ris­co de vi­da, por cau­sa de uma brin­ca­dei­ra de mau gos­to”, afir­ma.

An­dré Al­me­na­ra/Ma­rin­gá Aler­ta

As­sas­si­na­to acon­te­ceu na Rua Jo­sé Ma­ria Ma­ti­as, por vol­ta das 21 ho­ras

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.