Ra­dar

O Diario do Norte do Parana - - OPINIÃO -

Gos­ta­ria, em pri­mei­ro lu­gar, de pa­ra­be­ni­zar o jo­vem An­to­nio Mar­ce­li­no Zec­chin pe­la ati­tu­de co­ra­jo­sa que te­ve. Mui­tos de nós te­mos a mes­ma von­ta­de, mas nos fal­ta co­ra­gem. É um ab­sur­do o que nos­sos di­ri­gen­tes es­tão fa­zen­do. Al­gu­mas ru­as de aces­so rá­pi­do, sem es­co­las e ne­nhum ti­po de ris­co, têm li­mi­te de ve­lo­ci­da­de ri­dí­cu­lo de 40 km. Nin­guém con­se­gue tra­fe­gar por es­sas ru­as em ve­lo­ci­da­des tão bai­xa, só se for de mar­cha à ré. On­de os li­mi­tes são um pou­co mai­o­res, eles nun­ca es­tão lá com ra­da­res mó­veis, sa­be por quê? Por­que lá, a pos­si­bi­li­da­de de mul­tar é mui­to me­nor, en­tão quem pen­sa que eles es­tão ten­tan­do ins­truir, pre­ve­nir aci­den­tes e dou­tri­nar o trân­si­to es­tá mui­to en­ga­na­do. Con­cor­da­mos com trân­si­to se­gu­ro, mas não acei­ta­mos ser rou­ba­dos. - “Pre­so por que­brar ra­dar mó­vel”, Os po­li­ci­ais con­du­zi­ram o ca­ra à de­le­ga­cia . O de­le­ga­do cum­priu a lei e au­tu­ou o ca­ra por por­te ile­gal de ar­ma. Ob­vi­a­men­te eu tam­bém acho que o ca­ra me­re­cia uma me­da­lha e não ser pre­so. Mas é a lei. Re­cla­me das leis; não dos po­li­ci­ais!

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.