PM pla­ne­ja for­te es­que­ma de se­gu­ran­ça pa­ra do­min­go

O Diario do Norte do Parana - - ZOOM ZOOM - Le­o­nar­do Fi­lho le­o­nar­do­fi­lho@odi­a­rio.com

Há re­ceio das au­to­ri­da­des de em­ba­te en­tre ma­ni­fes­tan­tes pró-Dil­ma e con­tra a pre­si­den­te Guar­das mu­ni­ci­pais e agen­tes da Se­trans tam­bém vão acom­pa­nhar atos nas ru­as de Ma­rin­gá

Um for­te es­que­ma de se­gu­ran­ça é pla­ne­ja­do pe­la Po­lí­cia Mi­li­tar (PM) e Se­cre­ta­ria Mu­ni­ci­pal de Trân­si­to e Se­gu­ran­ça (Se­trans) pa­ra a re­gião da pra­ça da ca­te­dral, Cen­tro de Ma­rin­gá, pa­ra o pró­xi­mo do­min­go. Pa­ra o dia es­tão pro­gra­ma­dos ma­ni­fes­tos con­tra a pre­si­den­te Dil­ma Rous­seff (PT) em to­do o País, que ga­nham ca­da vez mais for­ça. So­men­te na ci­da­de, os pro­tes­tos di­vul­ga­dos pe­las re­des so­ci­ais so­mam cer­ca de 22 mil se­gui­do­res.

In­te­gran­tes do “mo­vi­men­to do dia 15” afir­mam que o PT tem in­cen­ti­va­do os mo­vi­men­tos so­ci­ais li­ga­dos ao par­ti­do a se ma­ni­fes­ta­rem em de­fe­sa da Petrobras – co­mo ocor­reu on­tem, du­ran­te a ma­ni­fes­ta­ção do Mo­vi­men­to dos Tra­ba­lha­do­res Sem Ter­ra (MST) em ro­do­vi­a­ses­ta­du­ai­se­fe­de­rais.

Já den­tre os con­trá­ri­os ao go­ver­no que con­fir­ma­ram pre­sen­ça no ato do dia 15, exis­tem os que de­fen­dem o im­pe­a­ch­ment da pre­si­den­te e os mais pon­de­ra­dos que co­bram com­ba­te mais for­te à cor­rup­ção. E es­ta di­ver­gên­cia é um dos mo­ti­vos de pre­o­cu­pa­ção das au­to­ri­da­des de se­gu­ran­ça. On­tem, após uma reu­nião no 4º Batalhão da PM, fi­ca­ram de­fi­ni­das al­gu­mas es­tra­té­gi­as. Já es­tão con­fir­ma­das, por exem­plo, que tre­chos das ave­ni­das Ti­ra­den­tes e Her­val – nas pro­xi­mi­da­des da pra­ça – se­rão in­ter­di­ta­das.

O mo­ni­to­ra­men­to do trá­fe­go se­rá fei­to por agen­tes da Se­trans. A se­gu­ran­ça fi­ca­rá por con­ta da PM e Guar­da Mu­ni­ci­pal. “Gran­de par­te do nos­so efetivo se­rá des­ta­ca­do pa­ra es­se ato, já que a ex­pec­ta­ti­va é de uma quan­ti­da­de mui­to gran­de de ma­ni­fes­tan­tes. Tor­ce­mos pa­ra que se­ja uma ma­ni­fes­ta­ção pa­cí­fi­ca e que não se­ja pre­ci­so fa­zer uso da for­ça”, dis­se o co­man­dan­te do 4º BPM tenente-coronel Antonio Roberto dos An­jos Pa­di­lha. Se­gun­do o se­cre­tá­rio de Trân­si­to, Ide­val Oli­vei­ra, além do isolamento das vi­as cen­trais, a Se­trans vai acom­pa­nhar gru­pos que se des­lo­ca­rem pe­las prin­ci­pais ave­ni­das do Cen­tro.

Opi­niões

A re­por­ta­gem con­ver­sou com al­guns ma­ni­fes­tan­tes que con- fir­ma­ram pre­sen­ça no dia 15. “É pre­ci­so cor­tar o mau pe­la raiz e só o im­pe­a­ch­ment vai re­sol­ver is­so. Qu­e­re­mos a Dil­ma e o PT fo­ra do po­der”, diz o es­tu­dan­te Luciano Mar­ques. “Ti­rar a pre­si­den­te do po­der de­ve ser nas elei­ções – a ca­da 4 anos. O que qu­e­re­mos é o po­vo nas ru­as pa­ra mos­trar que não es­ta­mos sa­tis­fei­tos com a cor­rup­ção. É pre­ci­so mos­trar aos go­ver­nan­tes e ao Ju­di­ciá­rio que o po­vo es­pe­ra ca­deia pa­ra es­ses cor­rup­tos”, co­men­ta a ad­mi­nis­tra­do­ra Ro­sa­na Mo­rei­ra.

O pre­si­den­te do Di­re­tó­rio Mu­ni­ci­pal do PT em Ma­rin­gá, ve­re­a­dor Mário Ver­ri, con­si­de­ra le­gí­ti­ma e de­mo­crá­ti­ca a ma­ni­fes­ta­ção. “Desde que ocor­ra de for­ma pa­cí­fi­ca.Oque­te­nho­no­ta­do­com pre­o­cu­pa­ção é a fal­ta de res­pei­to com a ‘pre­si­den­ta’, par­ti­do e elei­to­res­que­vo­ta­ram­ne­la.”

Es­tra­das

Ca­mi­nho­nei­ros que es­ta­vam em gre­ve até a se­ma­na pas­sa­da po­dem vol­tar com os blo­quei­os nas es­tra­das ama­nhã, a par­tir da meia-noi­te. A ca­te­go­ria pa­re­ce ter se di­vi­di­do: uma par­te acre­di­ta que o ob­ti­do até o mo­men­to é sa­tis­fa­tó­rio; a ou­tra quer in­sis­tir no pe­di­do de re­du­ção do pre­ço do óleo di­e­sel.

A sex­ta-fei­ra, no en­tan­to, é o mes­mo dia em que o PT e mo­vi­men­tos so­ci­ais mar­ca­ram uma gran­de ma­ni­fes­ta­ção em apoio à pre­si­den­teDil­ma.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.